PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Aos 73 anos, Dilma Rousseff recebe primeira dose da vacina contra a Covid-19

Porto Alegre deu início hoje à campanha de vacinação contra o novo coronavírus para idosos de 73 anos

Mirla Nobre
14:57 | 22/03/2021
Aos 73 anos, Dilma Rousseff recebe a primeira dose da vacina CoronaVac contra a Covid-19 (Foto: Reprodução/Instagram)
Aos 73 anos, Dilma Rousseff recebe a primeira dose da vacina CoronaVac contra a Covid-19 (Foto: Reprodução/Instagram)

A ex-presidente Dilma Rousseff recebeu nesta segunda-feira, 22, a primeira dose da vacina CoronaVac contra a Covid-19, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Nas redes sociais, a petista, de 73 anos, publicou uma foto recebendo o imunizante, em drive-thru: “Vacinem-se. Cuidem-se”, escreveu no post. Porto Alegre deu início hoje a campanha de vacinação contra o novo coronavírus para idosos na faixa etária da ex-presidente.


Em janeiro, Dilma recusou convite para se imunizar antecipadamente, em uma iniciativa que estava sendo cogitada pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e que não avançou. À época, a petista alegou razões “éticas e de justiça” e pediu respeito ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). “Deve ser respeitado e, se é certo que a vacinação já começou, não há montante de vacinas disponível para que eu, agora, seja beneficiada”, informa.

LEIA MAIS | Butantan entrega hoje mais 1 milhão de doses da CoronaVac ao Brasil

Em nota publicada em seu site no período, ela afirmou que “é inaceitável furar a fila'”, que deve ser estritamente “respeitada por todos os brasileiros”. Ainda segundo Dilma, ela não poderia "furar a fila" da vacinação que, desde o início, avança em ritmo lento no Brasil.

Além de Dilma, os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva, José Sarney, Fernando Henrique Cardoso e Michel Temer já receberam as primeiras doses da vacina.