PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Vídeo mostra emoção da equipe do Butantan ao saber dos resultados da vacina

O anúncio oficial dos resultados finais da fase 3 dos testes da vacina CoronaVac foi feito nessa quinta-feira, 7, e expressou resultados promissores

Alan Magno
06:55 | 08/01/2021
Aplausos, risos e emoção da equipe do Butantan ao saber do resultado dos testes (Foto: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM)
Aplausos, risos e emoção da equipe do Butantan ao saber do resultado dos testes (Foto: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM)

Em meio ao triste marco de 200 mil mortes pela Covid-19, o Brasil teve nesta quinta-feira um importante passo na luta definitiva contra a Covid-19. Nesta quinta-feira, o Instituto Butantan, anunciou que a vacina CoronaVac, desenvolvida em parceria com a farmacêutica Sinovac, é segura e com 78% de eficácia na prevenção de infecção pela Covid-19, mesmo do desenvolvimento de casos assintomáticos ou com sintomas leves, sendo 100% eficaz na prevenção de quadros graves e moderados da doença.

Os testes clínicos foram feitos em cerca de 13 mil voluntários e devem servir de base para o pedido de utilização emergencial da vacina que será feito pelo Butantan à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), para que a vacinação, enfim, comece no Brasil. Além das altas taxas de prevenção, o instituto pontuou ainda que nenhum dos voluntários que receberam a vacina precisou ficar internado.

Diante de rostos tensos e apreensivos, o diretor do Butantan, Dimas Tadeu, discursou brevemente para outros pesquisadores que atuaram no desenvolvimento da vacina. Todos estavam sentados ao redor de uma mesa, enquanto aguardavam os dados serem divulgados. “Vocês sabem que essa luta não foi fácil, vocês sabem que nós todos que estamos aqui, todos tivemos um período muito difícil de nossas vidas, tanto pessoal como profissional para poder fazer a vacina chegar ao povo brasileiro”, afirmou.

LEIA MAIS | Ministério da Saúde anuncia compra de 100 milhões de doses da Coronavac

O tom tenso, porém, rapidamente desapareceu diante da divulgação do primeiro número que mostrou que dos 12.473 profissionais da saúde voluntários nos testes, 78% não contraiu a doença e dos que contraíram, nenhum progrediu para um caso grave. Entre os aplausos e sorrisos encobertos pelas máscaras, Dimas frisou: “Agora temos muito trabalho pela frente, mais do que nunca, até levarmos essa vacina aos braços dos brasileiros. É o que nós queremos e é o que nós vamos fazer”

Veja vídeo dos bastidores da reunião com anúncio da eficácia da CoronaVac contra Covid-19