PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Instituição de psicologia lança e-book gratuito para ajudar a falar com crianças sobre morte por coronavírus

scrito por Fernanda Lopes e Juliana Vieira, o livro tem como objetivo tornar o assunto mais acessível para as famílias e desenvolver com cuidado a aceitação da perda na criança.

16:24 | 12/06/2020
O e-book dá dicas de como pais abrirem diálogo sobre mortes por coronavírus com os filhos (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O e-book dá dicas de como pais abrirem diálogo sobre mortes por coronavírus com os filhos (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A instituição Escutha Psicologia e Saúde, juntamente com a Editora UeceE, lançam o e-book gratuito “Como comunicar às crianças a morte de um ente querido por Covid-19”?. O livro busca trabalhar formas de comunicação para pais falarem com os filhos sobre mortes por coronavírus. Escrito por Fernanda Lopes e Juliana Vieira, o livro tem como objetivo tornar o assunto mais acessível para as famílias e desenvolver com cuidado a aceitação da perda na criança.

Fernanda, que é também supervisora pedagógica da Escutha Psi, explica que uma das formas de trabalhar a perda por coronavírus é lembrar a criança de experiências de perdas anteriores, seja de um bichinho de estimação ou uma planta. A partir disso, a experiência é usada para chegar até a situação do coronavírus. Além disso, é necessário responder questionamentos de forma honesta e se for preciso, repetidamente. Abrir espaço para que ela expresse os sentimentos de perda é essencial.

Segundo autora Juliana, também diretora da Escutha Psi, podem surgir na criança várias reações que não eram comuns antes, como inquietação, isolamento, ansiedade e até fazer xixi na cama. Essas são reações normais ao luto dos pequenos, mas mesmo assim é importante busca ajuda psicológica caso haja muitas mortes na família.

Leia também | Grupos de psicólogos oferecem atendimento online voluntário durante pandemia da Covid-19