PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Projeto da UFC desenvolve mapa que mostra avanço do coronavírus em Fortaleza

Além de apontar como a disseminação do vírus progrediu na Capital, o mapa também relaciona o número de casos confirmados e mortes por Covid-19 a "dados como vulnerabilidade social e a faixa etária populacional"

Gabriela Almeida
15:50 | 26/05/2020
Mapa criado pelo departamento de geografia da Ufc (Foto: Divulgação)
Mapa criado pelo departamento de geografia da Ufc (Foto: Divulgação)

O departamento de geografia da Universidade Federal do Ceará (UFC) criou um mapa para monitorar o avanço do novo coronavírus, a Covid-19, em Fortaleza. Disponibilizado em formato de vídeo e GIF, o mapeamento revela índices acerca do surgimento e do avanço da doença no Município, levando em consideração dados do Sistema Único de Saúde (SUS) e considerando supostas infecções pelo vírus já desde o mês de janeiro deste ano. O projeto foi divulgado por meio de nota no site da instituição, nessa segunda-feira, 25.

Assista ao vídeo

Além de apontar como a disseminação do vírus progrediu na Capital, o mapa também relaciona o número de casos confirmados e mortes por Covid-19 a “dados como vulnerabilidade social e a faixa etária populacional”, revelando ainda quais foram os pontos que mais permitiram a transmissão. Segundo instituição, uma das revelações apontadas pelo mapa é de que o vírus surgiu primeiro em áreas nobres, porém provocou mais mortes em regiões que apresentavam vulnerabilidade.

De acordo com o coordenador do estudo, Eustógio Wanderley Dantas, do Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFC, o levantamento pode fornecer “caminhos” para que autoridades municipais elaborem ações de enfrentamento da doença e desenvolvam projetos que auxiliem na diminuição dos impactos que a patologia provoca na Capital.

Leia também | Fortaleza está entre as 15 cidades com maior prevalência de casos de Covid-19

Do Dia dos Mil Mortos ao isolamento dos indesejáveis: como epidemias afetaram os comportamentos

Segundo nota, desenvolvimento do mapa é uma iniciativa pensada e executada por pesquisadores do Norte e Nordeste, com a “intenção de criar um levantamento que considerasse as duas regiões”. Entre os laboratórios que participaram do processo da UFC estão o de Planejamento Urbano e Regional (LAPUR), Geoprocessamento e Cartografia Social (LABOCART) e Climatologia Geográfica e Recursos Hídricos (LCGRH).