PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Reitor da Uece tem agravamento no quadro, é transferido para UTI e submetido a ventilação mecânica

O professor e também médico, Jackson Sampaio estava internado desde a última segunda-feira, 20, após uma série de sintomas associados ao coronavírus

Alan Magno
22:17 | 23/04/2020
Jackson Sampaio, reitor da Uece. (Foto: Mateus Dantas em 21/2/2017)
Jackson Sampaio, reitor da Uece. (Foto: Mateus Dantas em 21/2/2017)

O reitor da Universidade Estadual do Ceará (Uece), Jackson Sampaio, apresentou agravamento no quadro clínico na tarde desta quinta-feira, 23. Segundo informação divulgada pela assessoria da instituição, ele precisou ser transferido para uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e foi submetido a ventilação mecânica. Ele está internado desde segunda-feira, 20, em um hospital particular de Fortaleza após desenvolver sintomas associados à infecção pelo coronavírus. 

Apesar do agravamento da insuficiência respiratória, ainda segundo informações do assessoria, o quadro de saúde de Jackson é estável no que se refere às demais funções vitais.

Jackson chegou a realizar o teste para Covid-19, mas ainda aguarda resultado. Ao ser internado na segunda-feira, a Universidade Estadual afirmou que “o histórico e a imagem tomográfica do parênquima pulmonar já são muito reveladores de Covid-19". O médico de 69 anos começou a sentir sintomas da infecção pelo novo coronavírus no último dia 13 de abril.

Ele estava em isolamento domiciliar com sua esposa desde 16 de abril. Jackson assumiu o cargo de reitor da Uece em 2012. Ele atua como professor titular no núcleo de Saúde Pública da Uece e por cinco anos foi diretor do Centro de Ciências da Saúde (CCS) da Universidade Estadual do Ceará.

 

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >