Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Peru aumenta capacidade de visitantes em santuário inca de Machu Picchu

A cidadela de pedra, reconhecida como uma das sete maravilhas do mundo
17:20 | Jul. 17, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

A cidadela inca de Machu Picchu, joia do turismo no Peru, aumentou em um terço a capacidade de visitantes para reativar a economia da região andina de Cusco, afetada pela pandemia, informou o governo neste domingo, 17.

"Esta é uma grande notícia para o turismo peruano. Através desta norma, aumenta-se a capacidade de 3.044 a 4.044 visitantes por dia ao nosso santuário inca", disse o ministro de Comércio Exterior e Turismo, Roberto Sánchez.

Segundo a resolução, publicada no diário oficial, foi confirmado o aumento da capacidade de visitantes na cidadela de pedra, reconhecida como uma das sete maravilhas do mundo. "Como sabem, Machu Picchu é Patrimônio da Humanidade e orgulho do Peru, e com este dispositivo impulsionamos toda a cadeia do turismo: mais emprego e reativação econômica em nível regional e nacional", disse Sánchez.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

 

Opiniões contrárias

Feito no início do mês de julho, o anúncio de um maior número de turistas gerou críticas, inclusive de um ex-chefe da cidadela, o antropólogo Fernando Astete. "Uma concorrência muito grande sempre cria problemas para a cidadela", analisou Astete, que foi responsável por Machu Picchu por 20 anos, à AFP. "Espero que tenha sido [tomado] com um estudo técnico e que não seja apenas uma decisão de funcionários. A decisão de mudar deve ser comunicada à Unesco", acrescentou o antropólogo.

David Ugarte, ex-diretor de Cultura de Cusco, região onde fica a cidadela e antiga capital do império inca, também expressou seu desacordo. "A intenção de aumentar a carga máxima sempre existiu. Isso vem de um mercantilismo selvagem que parte de não entender o que significava a memória histórica que Machu Picchu e que devemos preservar para sempre", disse Ugarte ao jornal La Republica.

Por sua vez, a pesquisadora Bertha Bermúdez lamentou, em declarações ao jornal El Comercio, que "sempre querem trazer mais e mais turistas" a Machu Picchu.

Com prazo pra encerrar

Segundo a norma, este aumento de visitantes será adotado em caráter excepcional até 31 de dezembro. A cidadela foi construída na época do imperador inca Pachacútec, no século XV, e, antes da pandemia de covid-19, recebia diariamente cerca de 5.800 visitantes.

Em 2021, 447.800 pessoas visitaram a cidadela, longe do 1,5 milhão de 2019, segundo números oficiais. Em 2020, quando esteve fechada durante meses por causa da pandemia, recebeu apenas 274.500 visitantes.

No primeiro semestre deste ano, entraram na cidadela cerca de 400mil pessoas.

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar