PUBLICIDADE
Shows & Espetáculos
NOTÍCIA

Com Maria Rita e Marcelo Falcão, festival de música reúne 24 horas seguidas de programação

Organizado pela União Brasileira de Compositores, o festival pretende arrecadar fundos para a campanha Juntos Pela Música para ajudar artistas que foram prejudicados durante a quarentena

Natália Coelho
22:46 | 27/05/2020
Maria Rita se apresenta no festival às 13 horas do sábado, 30 (Foto: Daryan Dornelles/Divulgação)
Maria Rita se apresenta no festival às 13 horas do sábado, 30 (Foto: Daryan Dornelles/Divulgação)

Contando com grandes nomes da música brasileira, como Maria Rita, Xênia França e Marcelo Falcão, o Festival 24h Juntos Pela Música terá 24 horas seguidas de programações gratuitas, a partir deste sábado, 30, às 12 horas, e seguindo até as 13 horas do domingo, 31. Promovido pela União Brasileira de Compositores, o evento ocorre em transmissão ao vivo pelo Instagram da UBC, @ubcmúsica. 

O festival pretende arrecadar fundos para a campanha Juntos Pela Música, que vem ajudando artistas que foram prejudicados durante a quarentena e em situações de vulnerabilidade. O movimento, em parceria com o Spotify, é realizado pela plataforma Benfeitoria, e já conta com mais de R$ 1.278.402 arrecadados. A campanha segue em aberta até o dia 24 de junho.

Leia também | Lei de Emergência Cultural é aprovada na Câmara de Deputados

Misturando gêneros, como o "funk da quarentena" de Adriana Calcanhotto, o samba do cantor Ferrugem, o sertanejo de Paula Fernandes, a MPB leve de Kell Smith e o POP de Romero Ferro, o festival conta com 25 nomes, cada um com uma hora de show, além de conversas.

Segundo Elisa Eisenlohr, organizadora do festival, a criação de um fundo pelos artistas é relevante visto que a ausência de shows atrapalha grande parte das rendas dos artistas, seja por direitos autorais ou pelo cachê. “Estamos trabalhando com a classe e desde o início percebemos que muitos artistas iam passar por necessidades. A profissão de artista, não só é trabalhosa, mas como é financeiramente arriscada. O movimento de solidariedade que vem acontecendo é extraordinário e a UBC já tem histórico com isso, com um programa Plano de Renda Mínima (PRM), que já tem 30 anos, para auxiliar artistas”, explica, ressaltando que as lives devem ter um teor intimista.

Romero Ferro é artista pernambucano
Romero Ferro é artista pernambucano (Foto: Divulgação)

O artista pernambucano Romero Ferro, que “sobe ao palco” virtual a 1 hora do domingo, 31, ressalta que o horário é também uma forma de driblar o “congestionamento” de lives que vem ocorrendo. Segundo o artista, o repertório planejado tem como foco o disco “Ferro” (2019), mas que estará aberto para sugestões do público e para outras canções.

“Eu sou feliz em ter músicas que me sinto orgulhoso de ter escrito e são canções que inclusive trazem mensagens muito boas, tanto no sentido de se divertir, sendo um sábado à noite, as pessoas podem estar querendo dançar… E tem músicas com mensagens mais fortes, como “Tolerância zero” e “Fake” que devem estar presentes nesse repertório”.

Confira o lineup do Festival 24h Pela Música
Sábado, 30
12 horas - Atitude 67
13 horas - Maria Rita
14 horas - Adriana Calcanhotto
15 horas - Kell Smith
16 horas - Thales Roberto
17 horas - Di Ferrero
18 horas - Luiz Carlos Sá
19 horas - Zé Ricardo
20 horas - Agnes Nunes
21 horas - Paula Fernandes
22 horas - Bruno Martini
23 horas - Blancah

Domingo, 31
Meia noite - Sandra de Sá
1 horas - Romero Ferro
2 horas- Canto Cego
3 horas- Mulamba
4 horas- Marcelo Falcão
5 horas- Rogê
6 horas- Pierre Aderne
7 horas- Padre Joãozinho
8 horas- Bia Ferreira
9 horas - Fernanda Takai & John Ulhoa
10 horas - Xênia França
11 horas - Xamã
12 horas - Ferrugem