Participamos do

"Cabeça de Nêgo": cineasta dedica longa às periferias do Brasil inteiro

Rodado inteiramente na Capital, filme do cearense Déo Cardoso apresenta pautas urgentes como luta contra o racismo e mobilização estudantil
11:25 | Out. 18, 2021
Autor Bruna Forte
Foto do autor
Bruna Forte Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Dirigido e roteirizado por Déo Cardoso, realizador norte-americano naturalizado cearense, o filme "Cabeça de Nêgo" chega às salas de cinema brasileiras no próximo dia 21. Na noite do último sábado, 16, o primeiro longa do cineasta teve sua pré-estreia nos Cinemas Benfica, localizados no Shopping Benfica. O POVO acompanhou a exibição.

 

 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em sessão realizada às 19h, o filme foi exibido para imprensa e convidados. O diretor e integrantes do elenco como Lucas Limeira, Val Perré e Jéssica Ellen estavam presentes. "Cabeça de Nêgo" examina o universo da escola pública em sua potência de revolução social: após sofrer uma violência racista, o protagonista Saulo (Lucas Limeira) decide ocupar a escola e reivindicar melhorais para os alunos. Rodado inteiramente na Capital, filme apresenta pautas urgentes como a luta contra o racismo e a mobilização estudantil.

 

Lucas Limeira dá vida ao protagonista "Saulo" no longa "Cabeça de Nêgo".
Lucas Limeira dá vida ao protagonista "Saulo" no longa "Cabeça de Nêgo". (Foto: Divulgação)

"A verdadeira arte é independente. Quando a indústria faz outras coisas, ela está ampliando algo que já vem de um lugar, de um movimento, de pensamentos daquelas pessoas. Quando o Déo me fez o convite, eu vibrei muito com o roteiro porque fala de coisas que eu acredito e tocam outras pessoas", ressalta a artista Jéssica Ellen, que interpreta uma professora na trama.

Direção e elenco de "Cabeça de Nêgo" compareceram à estreia do filme nos Cinemas Benfica no sábado, 16.
Direção e elenco de "Cabeça de Nêgo" compareceram à estreia do filme nos Cinemas Benfica no sábado, 16. (Foto: Divulgação)


Para Déo Cardoso, agora se inicia uma das mais importantes fases do projeto: a divulgação ampla. "A gente vai pra comunidades quilombolas, periferias do Brasil inteiro, já estamos marcando pra 2022 fazer esse acesso, esse movimento, que aí sim o filme vai chegar naquelas comunidades que não têm grana pra ter uma Globoplay ou Netflix em casa", adianta o diretor.

"Cabeça de Nêgo"

Duração: 86 min /Gênero: Drama / Distribuição Corte Seco Filmes

Estreia dia 21 de outubro nos cinemas de todo o País.

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags