PUBLICIDADE
Noticia

Itaú Cultural lança edital para artistas da dança, teatro e circo nesta segunda, 06

Inscrições online para edital "Arte Como Respiro" começam nesta segunda-feira, 6, e se encerram na sexta-feira, 10

Natália Coelho
03/04/2020 21:24:53
Barracal é um dos projetos cênicos já apoiados pelo Itaú Cultural anteriormente
Barracal é um dos projetos cênicos já apoiados pelo Itaú Cultural anteriormente (Foto: Agência Ophelia/Divulgação)

Para apoiar artistas sem possibilidade de trabalhar durante a pandemia do novo coronavírus, que motivou quarentena por todo o Brasil, inclusive o Ceará, o Itaú Cultural irá lançar nesta segunda-feira, 6, o edital “Arte Como Respiro”. As inscrições seguem de forma online por meio do site do Itaú Cultural até a próxima sexta-feira, 10.

Leia mais: Mostra Brasileira de Teatro Transcendental abre inscrições para a 18ª edição

O documento contempla trabalhos cênicos, entre dança, teatro e circo, produzidos durante a quarentena — podendo ser realizado em tempo real ou em forma de gravação — ou para espetáculos previamente gravados. No total, serão 120 projetos selecionados, 60 produzidos durante o isolamento e 30 prontos desde antes da pandemia chegar ao Brasil. Qualquer artista nacional pode participar.

Os trabalhos irão receber valores de até R$ 10 mil como recompensa pelo licenciamento dos direitos autorais. A escolha será baseada em critérios poéticos, técnicos, capacidade de realização e recepção do público.

Leia mais: Artistas ressaltam a importância do edital Festival Cultura Dendicasa, lançado nesta terça

Segundo Galiana Brasil, gerente de Artes Cênicas do Itaú Cultural, o edital é uma forma de conversar com os artistas sobre a situação emergencial do País. “Estamos acompanhando e estamos aderentes à situação. O edital é uma forma que a gente encontrou de apoiar as artes nacionais nessa crise”.

Segundo a gestora, a ideia é também promover a representatividade, com artistas dos mais variados estados brasileiros, para conseguir alcançar o maior público possível e conseguir “dar um respiro” na situação. “A arte pode exercer essa expressão poética. A medida que o artista consegue recurso para exprimi-la, ele se ajuda e ajuda a quem assiste. Temos acompanhado um aumento de lives e de tentativas que as pessoas estão buscando para se expressar neste momento. Dar recurso e espaço para isso é uma boa forma de manter essa cadeia produtiva”.

O Itáu Cultural também planeja lançar outros dois editais contemplando a música e as artes visuais, ainda sem datas confirmadas.