PUBLICIDADE
Tecnologia
Noticia

Motorola Razr apresenta defeitos após ser dobrado por 27 mil vezes; veja o vídeo

Em teste realizado pela empresa CNET, o aparelho aguentou 3h30min do teste

12:56 | 10/02/2020
O aparelho custa cerca de R$ 8 mil no Brasil
O aparelho custa cerca de R$ 8 mil no Brasil (Foto: Divulgação/Motorola)

A sensação de déjà vu proporcionada pelo novo Motorola Razr não foi suficiente para suprimir as necessidades de quem o usa. Em vídeo divulgado pela empresa CNET, o novo aparelho foi dobrado por cerca de quatro horas seguidas pela máquina FoldBot, configurada para abrir e fechar o smartphone, num ritmo acelerado.

Após cerca de 3h30min do teste, a máquina já não conseguia dobrar totalmente o Razr. O smartphone ficou danificado após 27 mil dobras. A dobra cedeu e ficou danificada, dificultando o fechamento do aparelho, que começou a ranger com o movimento.

Confira o vídeo:

Após a divulgação do teste, a Motorola reagiu e publicou um vídeo de "teste real" com o modelo. No Twitter, a marca se posicionou ao responder um seguidor. "A máquina usada pelo CNET para testar o Razr não foi projetada ou calibrada adequadamente para o dispositivo. Os resultados do teste não refletem a durabilidade do Razr".