PUBLICIDADE
Tecnologia
NOTÍCIA

Visualização de dados: utilize o Datastudio para criar relatórios interativos

Na luta com várias ferramentas como o Tableau, Pentaho, Power BI, o Google aposta na simplicidade e na integração com ferramentas digitais

19:14 | 18/07/2019
Serviço Google de BI
Serviço Google de BI(Foto: Divulgação)

Desenvolvido para alcançar profissionais de BI (business intelligence) que utilizam dados gerados na internet, o Datastudio tem como ponto forte a integração com suas ferramentas de análise, como o Google Analytics e o Search Console.

Seu diferencial em relação aos seus concorrentes é o uso integral dos dados do Google Analytics, maior ferramenta de análise de sites da atualidade e com o Google Ads (Adwords).

Em grau comparativo, na versão Free do GA, só conseguimos baixar 5000 mil linhas de um relatório e, apesar do Power BI, um dos líderes de mercado, permitir uma associação com o serviço, infelizmente nem se compara com a integração que é realizada pela opção do Google.

O Datastudio leva o DNA que tornou o Google tão popular, a simplicidade.

A integração de dados é direta, você tem a opção de inserir dados de diversas fontes, mas, por padrão, são esses:

– CSV

– Atribution 360

– BigQuery

– Campaing Manager

– Cloud Spanner (do Google Cloud)

– Cloud SQL para MySQL

– Display & Vídeos 360

– Google Ad Manager

– Google Ads

– Google Analytics

– Google Cloud Storage

– MySQL

– Planilhas Google (com fantásticas possibilidades)

– PostgreSQL

– Search Ads 360

– Search Console

– Youtube Analytics

Como pode notar, os plugins padrões estão bem direcionados para as ferramentas da própria empresa, além de bancos de dados relacionais, como o MySQL e o PostgreeSQL.

Fazem falta a integração nativa com banco de dados não relacionais, como o Mongo, que se tornou a central de coleta dos Bigs Datas atualmente e com as mídias sociais, como Facebook, Instagram e Twitter, além de claro, o imbatível Excel. No entanto, acompanhando a evolução da ferramenta, dá para acreditar que em breve seja disponibilizado essas funcionalidades.

O Google também disponibiliza uma API para que desenvolvedores possam criar consultas em sites que não possuem plugins nativos.

Algumas empresas se especializaram no desenvolvimentos destas conectores para o Datastudio, destes, o Supermetrics se destaca, com plugins para integrar com as redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter) e com o Bing Ads, Adwords, Amazon, etc.

Se for um programador, você também pode criar sua própria fonte de dados e integrar na ferramenta.

O Datastudio também te permite inserir imagens, formas e te fornece algumas possibilidades de gráficos, além de permitir que o usuário mude as cores do tema e fontes da forma que desejar.

Ele acaba sendo um das melhores opções para apresentação de relatórios gratuitos da atualidade, e tudo online, sem baixar nada, direto do seu navegador.

Senão o conhece, basta acessar o site oficial com a sua conta Google e ir criando seus relatórios.

O Google já fornece alguns templates e você consegue encontrar mais alguns pela internet com uma pequena busca.

Abaixo, um dashboard criado com o Datastudio.

Dashboard criado no Datastudio
Dashboard criado no Datastudio (Foto: Alan Jhonson)

Alan Jhonson