Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Saiba quem é Victor Godoy, cotado para assumir Ministério da Educação

Convidado ao cargo de Secretário- Executivo do Ministério da Educação (MEC), em julho de 2020, o servidor público é sucessor na hierarquia para assumir o cargo

Com a saída do ministro da Educação Milton Ribeiro, nesta segunda-feira, 28, a expectativa é que o cargo agora fique interinamento com o secretário-executivo e sucessor na hierarquia, Victor Godoy Veiga. A decisão teria sido fruto de uma série de diálogos entre Ribeiro e Jair Bolsonaro (PL) no fim de semana. O provável futuro ministro do MEC é o quinto a assumir o posto no governo federal.  

Quem é Victor Godoy

Formado em Engenharia de Redes de Comunicação de Dados pela Universidade de Brasília (Unb), em 2003, Victor Godoy Veiga tem pós-graduação em Altos Estudos em Defesa Nacional pela Escola Superior de Guerra (ESG), e em Globalização, Justiça e Segurança Humana pela Escola Superior do Ministério Público em parceria com o Institut fur Friedenssicherungsrecht und Humanitares Volkerrecht der Ruhr – Universitat Bochum (Alemanha) e a University of Johannesburg (Africa do Sul).

O servidor público teve carreira de Auditor Federal de Finanças e Controle da Controladoria-Geral da União, onde trabalhou desde 2004 até ser convidado ao cargo de Secretário- Executivo do Ministério da Educação (MEC), em julho de 2020. Na CGU, Victor Godoy atuou como Auditor Federal de Finanças e Controle, Chefe de Divisão, Coordenador-Geral e Diretor-Substituto de Auditoria e Diretor de Auditoria da Área Social e de Acordos de Leniência.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O secretário-executivo participou de diversos cursos, congressos, seminários e conferências ao longo dos  16 anos de trabalho dedicados à CGU. Foi palestrante na Conference on Public Internal Control in the European Union, Paris (Comissao Europeia), no ano de 2015, e palestrante na Conferência de
Controle Interno no Brasil – Desafios e Oportunidades de Melhoria (Banco Mundial), em 2016.

No ano de 2019, Godoy foi painelista no lançamento do estudo Resolving Bribery with Non-Trial Resolutions da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e participante na mesa de discussão sobre a revisao da Recomendacão de 2009 da OCDE para o combate ao suborno transnacional. Foi membro desde julho de 2018 a julho de 2020 da delegacao brasileira no Working Group on Bribery – WGB (OCDE).

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar