Participamos do

Vereador bolsonarista denuncia Cid à PF após senador reclamar de vazamento de operação

Carmelo Neto anunciou a denúncia via Twitter
15:20 | Dez. 16, 2021
Autor Alice Araújo
Foto do autor
Alice Araújo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O vereador de Fortaleza Carmelo Neto (Republicanos) informou ter denunciado o senador Cid Gomes (PDT) à Polícia Federal (PF), após o pedetista reclamar do suposto vazamento da Operação Colosseum para um “vereador de Fortaleza ligado ao Bolsonaro”. A declaração do ex-governador foi feita nesta quarta-feira, 15, em coletiva de imprensa para falar a respeito da investigação da PF deflagrada ontem, que busca averiguar o suposto envolvimento dos irmãos Ferreira Gomes em esquema de fraudes relacionadas às obras da Arena Castelão.

Embora Cid não tenha citado nomes, Carmelo Neto se manifestou no Twitter, nesta quinta-feira, 16, afirmando que oficiou a Polícia a respeito das acusações do senador.

LEIA MAIS: E se Bolsonaro também for vítima na ação contra Ciro?

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

“Acabei de oficiar à Polícia Federal sobre as acusações de Cid Gomes de que “um vereador de Fortaleza ligado ao Pr Bolsonaro” teria o conhecimento prévio da operação contra ele e Ciro. O senador quer tirar o foco das investigações, mas terá de arcar com suas irresponsabilidades”, escreveu na publicação.


Durante a coletiva, o congressista criticou a possível interferência do presidente Jair Bolsonaro (PL) na Polícia Federal e, como exemplo, reclamou do suposto vazamento da operação para um parlamentar de oposição. "Ontem (terça-feira), se a gente for procurar, um vereador de Fortaleza ligado ao Bolsonaro, ligado ao Capitão, que é ligado aqui ao Bolsonaro, disse que hoje ia ter uma bomba. Portanto sabiam previamente de uma operação", argumentou Cid Gomes.

Carmelo Neto já havia enviado nota ao O POVO, exigindo que o senador Cid Gomes nominasse “o vereador que ele quis acusar". "Se ele acha que pode jogar uma denúncia tão grave ao léu, tudo para descredibilizar uma operação, está enganado", disse o vereador.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags