Participamos do

Manifestação na Paulista: Doria faz ‘dancinha’ enquanto manifestantes xingam Bolsonaro

Governador agitou manifestantes ao puxar "dancinha" contra presidente Jair Bolsonaro
18:34 | Set. 12, 2021
Autor Luciano Cesário
Foto do autor
Luciano Cesário Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em ato pelo impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), neste domingo, 12, na avenida Paulista, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), agitou os manifestantes ao puxar uma “dancinha” de cima do palco onde discursou aos presentes, enquanto parte do grupo proferia xingamentos ao presidente.

Na sua fala, o tucano afirmou que “quem tem medo da verdade não respeita a democracia” e pediu união das diferentes correntes ideológicas em prol do Estado Democrático de Direito. “Defenda o seu país, defenda a democracia, defenda os Poderes. Deem o exemplo aos mais jovens, que talvez não tenham vivido, como eu, uma ditadura militar”, discursou o governador, que disputa as prévias do PSDB para ser o indicado dos tucanos à disputa pelo Planalto em 2022.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Agora: acompanhe a cobertura das manifestações de 12 de setembro contra Bolsonaro

Além de Dória, outros quatro presidenciáveis participaram da manifestação, organizada pelos movimentos MBL e Vem Pra Rua, que pede a saída do presidente: Luiz Henrique Mandetta (DEM), Ciro Gomes (PDT), Simone Tebet (MDB) e Alessandro Vieira (Cidadania).


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags