PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Sarto anuncia pacote com auxílio de R$ 100 para 9,2 mil trabalhadores; confira ações

Foram anunciadas sete medidas econômicas e sociais, focadas nos eixos de proteção social, renda mínima e segurança alimentar

Carlos Mazza
17:09 | 11/03/2021
Sarto afirma que deve transformar ala da pediatria do IJF em enfermaria para Covid-19 (Foto: Aurelio Alves)
Sarto afirma que deve transformar ala da pediatria do IJF em enfermaria para Covid-19 (Foto: Aurelio Alves)

O prefeito José Sarto (PDT) anunciou na tarde desta quinta-feira, 11, uma série de ações no sentido de combater efeitos da pandemia do novo coronavírus em camadas mais economicamente vulneráveis da população de Fortaleza.

Ao todo, foram anunciadas sete medidas econômicas e sociais, focadas nos eixos de proteção social, renda mínima e segurança alimentar. Entre elas, estão um auxílio emergencial de R$ 100 para microempreendedores, como feirantes, ambulantes e artesãos de Fortaleza.

Confira as sete medidas anunciadas pela Prefeitura:

1) R$ 100 por dois meses para 5,5 mil pequenos empreendedores, como feirantes, ambulantes, artesãos e empreendedores de projetos como o Meu Bairro Empreendedor, Meu Carrinho Empreendedor e Mulher Empreendedora
2) 30 mil cestas básicas por dois meses para 35 mil taxistas, mototaxistas, motoristas de transporte escolar e aplicativos, carroceiros e catadores
3) Auxílio de R$ 100 por dois meses para 3,7 mil profissionais da cultura
4) Cartão Missão Infância passará de R$ 50 para R$ 100 por três meses
5) Segunda leva de kit alimentação para 239 mil alunos da rede municipal de educação
6) Cestas básicas por três meses para 108 mil famílias cadastradas no Bolsa Família mas que não recebem benefícios
7) Oferta diária de abrigos, mil refeições e 400 sopas para pessoas em situação de rua

"São medidas de proteção para a população que mais precisa em Fortaleza, ações para dar mais segurança àquelas pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social. Temos tido o cuidado de estudar, de pesquisar", disse Sarto. O prefeito afirma que algumas das ações serão encaminhadas para a Câmara Municipal até a próxima segunda-feira, 22.

O anúncio foi feito horas após o prefeito sancionar projetos de lei que reconhecem templos religiosos e academias como "serviços essenciais" em Fortaleza. O pacote anunciado nesta quinta-feira terá investimento total de R$ 31 milhões, com perspectiva de atendimento de até 392 mil pessoas.