PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Goiânia: Maguito lidera numericamente com 27% e Vanderlan tem 23,3%, diz Serpes

16:00 | 14/11/2020

O ex-governador de Goiás Maguito Vilela (MDB) lidera numericamente pesquisa do instituto Serpes sobre as eleições à Prefeitura de Goiânia (GO) contratada pelo jornal O Popular e divulgada neste sábado (14). Nas respostas estimuladas, ele tem 27% das intenções de voto, à frente do senador Vanderlan Cardoso (PSD), que somou 23,3%. O quadro configura empate técnico dentro da margem de erro de quatro pontos porcentuais para mais ou para menos.

Antes que os entrevistadores apresentassem cartela com os nomes de todos os 16 candidatos na disputa, houve a etapa espontânea, em que os eleitores responderam livremente em quem pretendem votar. Nesse formato, Maguito ficou com 22,8% e Vanderlan, com 20%.

No levantamento divulgado pelo mesmo instituto há exatamente uma semana (7), o emedebista tinha 23% e o candidato do PSD apresentava 26,3% nas respostas estimuladas. Desde a primeira rodada, em 26 de setembro, Maguito alcançou crescimento de 14 pontos porcentuais, enquanto Vanderlan oscilou para cima e para baixo dentro da margem de erro.

Ainda na pesquisa estimulada deste sábado, a deputada estadual Delegada Adriana Accorsi (PT) ficou com 10,1%, o deputado federal Elias Vaz (PSB) teve 5%, o deputado estadual Major Araújo (PSL) somou 3,2%, Gustavo Gayer (DC) alcançou 2,8% e o deputado estadual Alysson Lima (SD) ficou com 2,2%. A vereadora Dra. Cristina (PL) foi a preferida de 2% dos entrevistados.

Em pelotão de 1% para baixo, aparecem o ex-deputado estadual Samuel Almeida (Pros) com 1%, Fábio Júnior (UP) com 0,8%, o deputado estadual Talles Barreto (PSDB) com 0,7%, Manu Jacob (PSOL) e Cristiano Cunha (PV) com 0,5% cada um, e Antônio Neto (PCB) e Vinicius Gomes (PCO) com 0,2% cada.

Os indecisos são 10,3%, quatro pontos a menos que na última rodada. Aqueles que responderam que não vão às urnas ou votarão nulo ou branco foram 8,8%. O Instituto Serpes, contratado por J.Câmara & Irmãos/Jornal O Popular, ouviu 601 eleitores de Goiânia em 13 de novembro. A margem de erro é de quatro pontos porcentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no TSE sob o protocolo GO-02799/2020.