PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Com pandemia, TSE monta estrutura externa para Centro de Divulgação das Eleições

11:51 | 14/11/2020

Em uma eleição marcada por protocolos de segurança em razão da pandemia do novo coronavírus, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) montou uma estrutura externa para abrigar o Centro de Divulgação das Eleições (CDE), que tradicionalmente é instalado dentro do prédio da Corte. O espaço servirá para receber a imprensa que acompanhará as informações disponibilizadas pelo TSE sobre o pleito, assim como as coletivas do tribunal ao longo do fim de semana.

Neste sábado, está marcada para esta manhã cerimônia de verificação de assinaturas do sistema de totalização dos votos, acompanhada pelo vice-presidente do TSE, Edson Fachin. Esse passo do processo vai ocorrer dentro da Corte, com imagens divulgadas posteriormente pelo tribunal. Depois disso, o ministro deve falar com a imprensa. Ainda neste sábado, às 20h30, o presidente da Corte, Luís Roberto Barroso, fará pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão com instruções ao eleitorado.

No domingo, dia do pleito, Barroso e Fachin visitam às 10h as demonstrações de novas tecnologias para o voto do projeto Eleições do Futuro, em Valparaíso (GO), no entorno do Distrito Federal. Às 14h, haverá entrevista coletiva em que o presidente do TSE apresentará o boletim com os principais dados da manhã, no CDE.

Depois Barroso vai o Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), ligado ao Ministério da Justiça, onde acompanhará, junto ao ministro André Mendonça, o balanço da operação de segurança pública nas eleições, informa o TSE.

Às 17h, o presidente do TSE receberá autoridades nacionais e internacionais, além dos observadores e representantes da Organização dos Estados Americanos (OEA) e, às 20h, Barroso e os demais ministros da Corte e autoridades apresentam, em entrevista coletiva, os primeiros resultados das Eleições 2020.