PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

CNBB pede que católicos combatam notícias falsas e oportunismo religioso nas eleições 2020

Meio ambiente e democracia também são temas de documento

19:31 | 30/10/2020
D. Walmor Oliveira de Azevedo, arcebispo de Belo Horizonte, MG, e presidente da CNBB  (Foto: Reprodução/Youtube)
D. Walmor Oliveira de Azevedo, arcebispo de Belo Horizonte, MG, e presidente da CNBB (Foto: Reprodução/Youtube)

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lançou uma série de recomendações que os católicos devem ter nas eleições para prefeito e vereador que se aproximam. A carta é destinada aos leigos, candidatos ou não.

No documento, a CNBB reiterou a importância de não compartilhar notícias falsas, e de buscar candidatos que valorizem a paz e a justiça. “Muito preocupa na disputa eleitoral o uso de notícias falsas. Elas contaminam o debate, desviam a atenção dos eleitores de temas importantes e desvirtuam o resultado do pleito”. Além disso, “Quem não se compromete com os excluídos e se mostra indiferente diante da morte de pessoas e das graves feridas do meio ambiente não merece o voto de quem deseja uma sociedade justa e democrática”.

A Conferência também orientou recomendações práticas, como a criminalização da compra e venda de votos, indicando que católicos denunciam ao Ministério Público e à Justiça Eleitoral, caso observem o ocorrido. “Em tempos de crescente desvalorização da política, o povo brasileiro precisa fazer das Eleições 2020 uma verdadeira festa da democracia”, conclui o documento.