PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Atual Secretário-Geral da Presidência, Jorge Oliveira deve ser anunciado como novo Ministro da Justiça

Jorge se reuniu neste sábado, 25, com o presidente, na residência oficial do Palácio da Alvorada

10:44 | 26/04/2020
Jorge Oliveira é próximo a Jair Bolsonaro
Jorge Oliveira é próximo a Jair Bolsonaro (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Fontes ligadas ao Palácio do Planalto afirmam que, mesmo após resistência, Jorge Oliveira, atual ministro da Secretaria-Geral da Presidência, teria aceitado o cargo de novo Ministro da Justiça e da Segurança Pública, ocupado por Sergio Moro, até o seu pedido de demissão, que aconteceu na última sexta-feira, 24. Jorge se reuniu neste sábado, 25, com o presidente, na residência oficial do Palácio da Alvorada. As informações são do G1.

Para o cargo de novo diretor-geral da Polícia Federal (PF), aberto após a polêmica exoneração de Maurício Valeixo, é cotado o atual diretor da Agência Nacional de Inteligência (Abin), Alexandre Ramagem.  A saída de Valeixo de cargo foi um dos principais motivos para o pedido de demissão de Sérgio Moro, que viu a exoneração feita pelo atual presidente Jair Bolsonaro como uma tentativa de interferência política na PF.

Os dois novos nomes são pessoas que têm proximidade com a família Bolsonaro. Jorge Oliveira já foi chefe de gabinete na câmara de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), enquanto Alexandre Ramagem já trabalhou como segurança de Bolsonaro no período da campanha eleitoral de 2018.

Nesse sábado, o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) anunciou que vai apresentar ação na Justiça para impedir que Alexandre assuma o cargo, com provas de que ele também seria amigo dos filhos do presidente.