PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Governo priorizará equilíbrio fiscal e boa relação com governo federal em 2020

O pronunciamento foi feito pelo governador Camilo Santana (PT) e o presidente da Casa José Sarto (PDT) durante a solenidade de abertura das atividades de 2020 da Assembleia Legislativa do Ceará.

15:41 | 03/02/2020
FORTALEZA, CE, BRASIL, 03-02-2020: Camilo Santana (PT). governador do Ceará. Assembléia Legislativa do Ceará, ínicia os trabalhos com a presença do Governador Camilo Santana (PT). (Foto: Mauri Melo/O POVO).
FORTALEZA, CE, BRASIL, 03-02-2020: Camilo Santana (PT). governador do Ceará. Assembléia Legislativa do Ceará, ínicia os trabalhos com a presença do Governador Camilo Santana (PT). (Foto: Mauri Melo/O POVO). (Foto: MAURI MELO/O POVO)

A Assembleia Legislativa do Ceará realizou, nesta segunda-feira, 03, a sessão de abertura das atividades de 2020. Na ocasião, estiveram presentes 39 parlamentares além do Governador Camilo Santana (PT), que durante pronunciamento em Plenário, afirmou que uma das principais pautas para 2020 será a procura do equilíbrio fiscal do Estado e a manutenção de boas relações com o governo federal. 

Camilo afirmou que, segundo relatório recebido pelo Ministério da Economia, 14 estados da Federação estão em situação de emergência fiscal, situação que colocará a temática como pauta prioritária do governo do Ceará neste ano. "Garantir a capacidade financeira do estado é algo prioritário neste momento de incertezas na economia brasileira e dificuldades dos estados brasileiras. Isso é peça fundamental para que as outras ações possam acontecer" avaliou. 

Segundo o governador, o Ceará totalizou em 2019 R$ 1,5 bilhão de recursos de financiamentos externos e internos — informação concedida após visita da União no Estado. Sobre a relação com o governo federal, Camilo avalia ter tido uma reciprocidade, colocando como meta a manutenção de diálogo constante. "Vamos continuar mantendo a relação respeitosa mesmo com as divergências ideológicas e políticas, mas o mais importante é que eu procurarei quem quer que seja para defender os interesses do Estado" declarou.

Já o presidente da Casa, o deputado estadual José Sarto, destacou as ações do Legislativo Estadual, dentre elas o edital para 36 cargos comissionados de nível superior para o atendimento de crianças autistas, o Pacto pelo Saneamento Básico — que levará suas propostas para prefeitos durante o primeiro semestre deste ano — e o II Festival de Música da Assembleia Legislativa, que ocorrerá entre 26 e 28 de março. 

Sobre a conciliação dos trabalhos da AL com a campanha eleitoral 2020, Sarto voltou a reforçar o não uso da tribunal como "palanque paroquial", afim de evitar que parlamentares usem o espaço para discursos políticos. Com a aproximação das eleições, o deputado lembrou que o cronograma da Casa durante ano eleitoral será o mesmo dos anos de pleitos passados.