PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Presidente da OAB afirma que declarações de Bolsonaro sobre seu pai são "episódio fechado"

Em passagem por Fortaleza, Felipe Santa Cruz disse que já conhecia o comportamento do presidente como um "notório polemista"

10:39 | 01/10/2019
 Erinaldo Dantas, Felipe Santa Cruz e o cartunista Valber em solenidade no auditório da OAB-Ceará.
Erinaldo Dantas, Felipe Santa Cruz e o cartunista Valber em solenidade no auditório da OAB-Ceará. (Foto: Mauri Melo/Mauri Melo)

O presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Felipe Santa Cruz afirmou, na manhã desta segunda-feira, 1º, que a situação envolvendo as declarações do presidente Jair Bolsonaro acerca de seu pai já são um “episódio fechado”. “Eu sigo como presidente da Ordem, de forma serena, defendendo a agenda da advocacia”, frisou.

Santa Cruz disse que ficou “bastante ofendido” com o caso, mas que já conhecia o comportamento do presidente. “Ele [Jair Bolsonaro] é notoriamente um polemista, ele vive disso, fez a carreira política dele em torno disso”, ressaltou.

O presidente da OAB esteve nesta manhã na sede da OAB Ceará em evento de lançamento da Conferência Nacional de Mulher Advogada. Ele ainda cumpre agenda na Capital nesta tarde, quando irá prestigiar a sessão solene de entrega da medalha Dom Helder Câmara ao conselheiro federal da OAB Hélio Leitão.

Entenda a polêmica

No fim de julho deste ano, Jair Bolsonaro disse que poderia “contar a verdade” de como Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira, pai de Felipe Santa Cruz, desapareceu durante a ditadura militar.

"Conto pra ele. Não é minha versão. É que a minha vivência me fez chegar nas conclusões naquele momento. O pai dele integrou a Ação Popular, o grupo mais sanguinário e violento da guerrilha lá de Pernambuco e veio desaparecer no Rio de Janeiro", disse Bolsonaro em coletiva de imprensa.