PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Bolsonaro, sobre abuso de autoridade: vou atender o 'centrão do Bolsonaro'

22:49 | 09/09/2019
O presidente Jair Bolsonaro disse que atenderá o Ministério da Justiça, a Controladoria Geral da União (CGU) e a Advocacia Geral da União (AGU) em relação ao que vetará no projeto de lei do abuso de autoridade. "Vou atender o 'centrão do Bolsonaro'", brincou.
Bolsonaro falou com a imprensa na porta do Palácio do Alvorada, antes de seguir para o Regimento de Cavalaria da Polícia Militar do Distrito Federal, onde acompanha aula de montaria da filha.
O presidente também comentou a derrubada de seu veto a penas mais duras para quem divulgar fake news nas eleições pelo Congresso Nacional. "Sou a maior vítima de fake news e acho até válido isso, pessoal tem que extravasar".
Ele criticou a possibilidade de prisão por vários anos e disse que as penas podem ser mais rígidas do que em casos de homicídio. "Um clique vai ser mais grave que um 'teco'", completou.
Em tom de ironia, ele "agradeceu" ao deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) por ter trabalhado pela derrubada do veto.