PUBLICIDADE
Política
EXECUÇÃO

MP diz que assassinos de Marielle tinham "pleno conhecimento do sistema de Justiça"

16:33 | 12/03/2019
Marielle Franco. (Foto: Rede Livre.org)
Marielle Franco. (Foto: Rede Livre.org)

O Ministério Público se pronunciou na tarde desta terça-feira, 12, sobre a prisão de dois suspeitos pela morte de Marielle Franco e Anderson Gomes. Para as autoridades, o crime é considerado de alta complexidade e foi meticulosamente planejado. O MP informou que os autores do crime tinham pleno conhecimento do sistema de Justiça, já que foi tudo "muito bem pensado e organizado".

A procuradora de Justiça Simone Sibílio afirmou que o PM reformado Ronnie Lessa, autor dos disparos, foi encontrado com três aparelhos de celular em modo avião, o que dificultou o rastreamento dos aparelhos.

"O MP tem que ser muito prudente. As pessoas investigadas não podem ser expostas sem que haja indícios suficientes", disse Simone Sibílio. "Não foi descartada nenhuma possibilidade. Todas as pessoas que eram suspeitas, é possível ainda que continuem sendo suspeitas ou não".

Redação O POVO Online