PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Pentágono deve divulgar ainda nesta semana relatório sobre OVNIs

Desde que foi o relatório foi imposto, o diretor da Inteligência Nacional e o secretário de Defesa tinham seis meses para liberar o arquivo

11:28 | 22/06/2021
Em abril, vídeo com registro de OVNIs na costa da Califórnia foi confirmado pelo Pentágono. Governo americano divulgará relatório com demais explicações no próximo dia 25 de junho (Foto: Reprodução/Twitter)
Em abril, vídeo com registro de OVNIs na costa da Califórnia foi confirmado pelo Pentágono. Governo americano divulgará relatório com demais explicações no próximo dia 25 de junho (Foto: Reprodução/Twitter)

Até a próxima sexta-feira, 25, o Pentágono, sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, deve entregar um relatório obrigatório que estará disponível ao público sobre OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados). Será a primeira vez que a inteligência dos EUA se manifestará de modo oficial e publicamente sobre o assunto. As informações e relatórios anteriores eram confidenciais e foram vazados. As informações são dos portais UOL e Olhar Digital.

O relatório foi provocado por um senador da Flórida, Marco Rubio, que acrescentou um projeto de lei de financiamento exigindo que o diretor de Inteligência Nacional trabalhasse com os militares e a comunidade de inteligência para apresentar um relatório “sobre fenômenos aéreos não identificados, incluindo objetos aerotransportados observados que não foram identificados".

LEIA MAIS: Pentágono confirma que vídeo com OVNIs em forma de pirâmide é autêntico

Segundo a CNN, a obrigatoriedade do documento foi inserida na seção de “comentários do comitê” da Lei de Autorização de Inteligência para o ano fiscal de 2021. Desde que foi aprovado, o diretor da Inteligência Nacional e o secretário de Defesa tinham seis meses para liberar o arquivo.

O relatório deve incluir análises detalhadas de dados de OVNIs e inteligência coletados de diversas entidades de inteligência do país. Entre elas, estão: o Escritório de Inteligência Naval, a Força-Tarefa de Fenômenos Aéreos Não Identificados e o FBI. De acordo com a diretiva do comitê de inteligência do Senado estadunidense, o relatório deve identificar também quaisquer ameaças potenciais à segurança nacional representadas por OVNIs e avaliar se alguma nação estaria relacionada com esse fato.

LEIA MAIS: Vídeo que registra OVNIs na costa da Califórnia é real, diz Pentágono

Em 2020 a Marinha dos Estados Unidos confirmou a veracidade de três vídeos de aparições de "fenômenos não identificados". O Pentágono lançou esses três vídeos curtos em abril de 2020.

O que deve aparecer nos relatórios

 

Alguns relatórios iniciais apontam que o documento final do Pentágono sobre OVNIs não deve conter nada que altere fundamentalmente o entendimento humano do universo e da vida. O esperado pelo meio é que seja dito que não há evidências nem que de que os objetos vistos sejam de tecnologia americana avançada secreta ou nem de espaçonaves alienígenas. Uma possível explicação alienígena, entretanto, não pode ser descartada definitivamente.

LEIA MAIS: Governo dos EUA não descarta possibilidade de alienígenas

Em reportagem divulgada pelo New York Times na última quinta, 3, pessoas envolvidas no relatório americano não conseguiram determinar os eventos visualizados ao longo de dez anos. Segundo a reportagem, o relatório determina que "a maior parte dos mais de 120 incidentes das últimas duas décadas não teve origem em nenhum exercício militar americano ou em tecnologia avançada do governo."