PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Na Bolívia, pesquisa de boca de urna dá vitória a Luis Arce no primeiro turno

Mesmo assim, Arce já comemorou a vitória nas eleições. "Muito agradecido pelo apoio e pela confiança do povo boliviano."

07:10 | 19/10/2020
O candidato presidencial de esquerda da Bolívia, Luis Arce, do partido Movimento pelo Socialismo, comemora em La Paz, Bolívia  (Foto: AFP)
O candidato presidencial de esquerda da Bolívia, Luis Arce, do partido Movimento pelo Socialismo, comemora em La Paz, Bolívia (Foto: AFP)

Uma pesquisa de boca de urna divulgada nos primeiros minutos desta segunda-feira, 19 (pelo horário local), indica que o ex-ministro da Economia Luis Arce venceu em primeiro turno as eleições presidenciais na Bolívia, realizadas na véspera.

Arce obteve 52,4% dos votos, contra 31,5% do ex-presidente Carlos Mesa, segundo levantamento realizado pela emissora de televisão Unitel. O ex-ministro aparece também com vitória em outra pesquisa de boca de urna. Pela legislação boliviana, a vitória no primeiro turno está assegurada quando um candidato obtém 50% mais um dos votos ou ao menos 40% da preferência do eleitorado, desde que a vantagem sobre o segundo colocado supere os dez pontos porcentuais. 

Resultados oficiais não estão sendo divulgados. Para evitar "especulações", a autoridade eleitoral do país resolveu segurar o anúncio para quando a apuração estiver concluída - o que pode levar dias. Arce é do grupo político do ex-presidente Evo Morales, que comandou o país entre 2006 e 2019 e que hoje está asilado na Argentina. 

A presidente interina da Bolívia, Jeanine Añez, disse nesta segunda-feira, 19, em uma rede social, que Luis Arce venceu as eleições presidenciais em primeiro turno. "Ainda não temos a contagem oficial, mas pelos dados que temos acesso, o senhor Arce e o senhor Choquehuanca ganharam a eleição", escreveu ela. "Cumprimentos aos ganhadores e peço que governem pensando na Bolívia e na democracia."

Até a última atualização desta reportagem, menos de 16% das urnas haviam sido apuradas. Mesmo assim, Arce já comemorou a vitória nas eleições. "Muito agradecido pelo apoio e pela confiança do povo boliviano. Recuperamos a democracia e retomaremos a estabilidade e a paz social", publicou em sua página no Twitter.

 Com agências