PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Depois de ser internado por Covid-19, Trump vê Biden abrir dez pontos de vantagem nas eleições americanas

Maior parte dos eleitores dos EUA diz acreditar que Trump poderia ter evitado a infecção de Covid-19 caso tivesse levado o vírus a sério. Ele se contaminou na última sexta-feira, 3

Wanderson Trindade
14:24 | 04/10/2020
Os principais candidatos às eleições presidenciais de 2020 nos EUA, Joe Biden e Donald Trump (Foto: White House)
Os principais candidatos às eleições presidenciais de 2020 nos EUA, Joe Biden e Donald Trump (Foto: White House)

O presidente Donald Trump viu seu adversário Joe Biden abrir dez pontos percentuais de vantagem na corrida eleitoral americana. A diferença foi mostrada em pesquisa de opinião após o candidato à reeleição testar positivo para Covid-19.

Entre os líderes mundiais, Trump faz parte de um pequeno grupo (no qual está incluído o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro) que tem negado o poder do novo coronavírus.

Por meses, Trump minimizou a pandemia do novo coronavírus. Recentemente, ele admitiu ter mentido ao dizer que o vírus era como uma "gripe"
Por meses, Trump minimizou a pandemia do novo coronavírus. Recentemente, ele admitiu ter mentido ao dizer que o vírus era como uma "gripe" (Foto: Jim Watson/AFP)

De acordo com pesquisa realizada pela agência Reuters /Ipsos, divulgada neste domingo, 4, a maioria dos americanos considera que o presidente dos EUA poderia ter evitado a contaminação caso tivesse levado o vírus a sério.

Conforme informou a pesquisa, 51% do eleitorado apoia Biden, enquanto que 41% são favoráveis a Trump. Estariam escolhendo um terceiro candidato 4% do eleitorado, mesmo percentual de eleitores que se disseram indecisos.

Cleveland, Ohio, em 29 de setembro de 2020. O candidato presidencial democrata e ex-vice-presidente dos EUA Joe Biden e o presidente dos EUA Donald Trump participam do primeiro debate presidencial na Case Western Reserve University e na Cleveland Clinic.  (Foto de Morry Gash / AFP)
Cleveland, Ohio, em 29 de setembro de 2020. O candidato presidencial democrata e ex-vice-presidente dos EUA Joe Biden e o presidente dos EUA Donald Trump participam do primeiro debate presidencial na Case Western Reserve University e na Cleveland Clinic. (Foto de Morry Gash / AFP) (Foto: MORRY GASH/AFP)

As eleições americanas acontecem no próximo 3 de novembro. A menos de um mês para o pleito, Biden abriu maior vantagem sobre o presidente, o qual foi diagnosticado com Covid-19 na sexta-feira, 2.

Horas depois de anunciar a infecção pelo Twitter, Trump foi internado com sintomas de febre e falta de ar. Informações da imprensa americana dão conta de que ele precisou de ôxigenio.

A pesquisa Reuters /Ipsos foi realizada pela internet entre os dias 2 e 3 de outubro, em todo os Estados Unidos. Foram entrevistados 1.005 adultos, incluindo 596 prováveis eleitores.