PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Harry e Meghan participam de último compromisso real

O duque e a duquesa de Sussex vão se juntar a outros membros da família real, incluindo o pai e o irmão mais velho de Harry, Charles e William, para uma missa por ocasião do Dia da Commonwealth na Abadia de Westminster

09:01 | 09/03/2020
Megan Markle usou em seu casamento em 2018 um vestido minimalista acompanhado de véu de cinco metros
Megan Markle usou em seu casamento em 2018 um vestido minimalista acompanhado de véu de cinco metros (Foto: Getty Images)

O príncipe Harry e sua esposa Meghan fazem, nesta segunda-feira, 9, sua última aparição oficial como membros da realeza britânica, acompanhando a rainha Elizabeth II em um evento em Londres.

O duque e a duquesa de Sussex vão se juntar a outros membros da família real, incluindo o pai e o irmão mais velho de Harry, Charles e William, para uma missa por ocasião do Dia da Commonwealth na Abadia de Westminster.

A rainha, de 93 anos, fará um discurso, no qual pedirá aos 54 países da organização que "prosperem ao mesmo tempo que protegem o planeta".

Após o evento, Harry, de 35 anos e sexto na linha de sucessão ao trono, retornará com sua esposa ao Canadá, membro da Commonwealth.

No final de março, o casal deixará de representar a rainha e começará uma nova vida financeiramente independente com seu filho Archie, de 10 meses.

Harry e Meghan, de 38 anos, sacudiram a monarquia britânica em janeiro, quando anunciaram que abandonariam suas obrigações oficiais como membros da família real.

Ambos manifestaram sua dificuldade em suportar a enorme pressão da imprensa britânica sobre a realeza.

Harry acusou os tabloides de assediar Meghan e denunciou comentários racistas contra a ex-atriz americana.

A princípio, sua decisão provocou indignação e consternação entre os partidários da realeza britânica.

Mas o casal foi calorosamente recebido em sua última rodada de compromissos oficiais no Reino Unido na semana passada.

Harry e Meghan foram recebidos com aplausos no início do show de uma banda militar no Royal Albert Hall, em Londres, no sábado. E a duquesa de Sussex provocou furor entre os estudantes de Dagenham, leste de Londres, quando fez uma visita inesperada à sua escola na sexta-feira.

Em uma visita para comemorar o Dia Internacional da Mulher, Meghan prestou homenagem às mulheres cuja greve na fábrica da Ford Motor em 1968 ajudou a pavimentar o caminho para a lei de igualdade salarial de 1970.

Harry é o filho mais novo do herdeiro do trono, mas a partir do final deste mês ele e sua esposa deixarão de usar o título de Altezas Reais e de coletar fundos públicos, exceto para sua segurança.

O príncipe, que serviu duas vezes como soldado no Afeganistão, também teve que abandonar seus deveres oficiais no exército.

No entanto, o casal manterá seus patrocínios privados. Assim, Meghan foi ao Teatro Nacional de Londres na quinta-feira para promover uma exposição.