PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Policiais confundem grito de papagaio com pedido de socorro e fato viraliza

Vizinhos escutaram gritos de "Socorro! Me deixe sair", mas a verdade deste caso é cômica

12:22 | 11/01/2020

No estado da Flórida, nos Estados Unidos, um pedido de socorro teve um final inusitado. Uma ocorrência policial mencionava uma mulher gritando por socorro e pedindo para ser solta, mas ao chegarem no local da denúncia, os policiais começaram a rir com a verdade. Quem pedia socorro na realidade era Rambo, um papagaio de quase 40 anos.

O caso ocorreu no dia 29 de dezembro de 2019, mas o vídeo do que aconteceu só viralizou nesta última semana. O pequeno papagaio pertence ao americano Jason desde que ele tinha um ano de idade. O animal acabou ganhando fama na vizinhança após o ocorrido. Apesar da situação cômica, muitas mulheres nos comentários do vídeo no YouTube elogiaram a vizinha que teve a atitude de chamar a polícia.

No vídeo é possível ver Jason trocando os freios de um carro em sua garagem quando chegam, em estado de alerta, quatro policiais do Gabinete do Xerife do Condado de Palm Beach. Os agentes de segurança perguntaram sobre uma mulher pedindo socorro. O homem então começa a dar risadas e entra em casa para pegar Rambo. Rapidamente todos percebem a confusão e começam a rir.

Confira o vídeo abaixo:

A polícia local chegou a compartilhar em suas redes sociais o vídeo de todo o ocorrido, brincando com a situação. Em entrevista para o Jornal Daily Mail US, Jason afirmou que o papagaio Rambo faz parte da rotina de sua família de uma forma tão natural que seus sobrinhos chegam a chamar a ave de “Tio Rambo”.

Jason contou que ensinou o papagaio a pedir socorro para que alguém lhe soltasse pois antigamente ele vivia em uma gaiola. Após a fama, o papagaio Rambo ganhou um perfil na rede social do Twitter, administrado pelo seu tutor, onde são compartilhadas mais peripécias da ave.