PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Bar de oxigênio vende ar limpo na capital mais poluída do mundo

A "dose" de 15 minutos custa cerca de US$ 7, quase R$ 30 na cotação atual

17:25 | 19/11/2019
 A
A "dose" de 15 minutos custa cerca de US$ 7, quase R$ 30 na cotação atual (Foto: Divulgação/Oxy Pure)

Desde 2017, a cidade indiana de Nova Délhi carrega o título da capital mais poluída do mundo. Ali, mais de 46 milhões de pessoas respiram um ar dezenas de vezes mais contaminado por partículas finas de poluição do que o tolerado pela Organização Mundial de Saúde. Neste cenário, um estabelecimento tem ofertado à população uma pausa para, literalmente, respirar ar fresco: é a Oxy Pure, um bar de oxigênio.

O ar vendido no local é servido em pequenos filamentos ligados a tubos com aromas específicos de oxigênio. Cada gosto tem uma finalidade para a saúde do consumidor
O ar vendido no local é servido em pequenos filamentos ligados a tubos com aromas específicos de oxigênio. Cada gosto tem uma finalidade para a saúde do consumidor (Foto: Divulgação/Oxy Pure)

O ar vendido no local é servido em pequenos filamentos ligados a tubos com aromas específicos de oxigênio. Cada gosto tem uma finalidade para a saúde do consumidor. O ar misturado ao aroma de capim-limão, por exemplo, é indicado para infecções na garganta, baixa pressão sanguínea, sintomas de artrite e reumatismo. Segundo a empresa, a pureza do oxigênio vendido é de 99%. A “dose” de 15 minutos custa cerca de US$ 7, quase R$ 30 na cotação atual.

“É para manter meu coração saudável. Sem oxigênio limpo, fica difícil. Nós podemos beber água limpa, mas o ar é algo que não podemos controlar. Contudo, aqui eu encontro oxigênio limpo e fico feliz por isso”, disse Billi Gessat, morador de Nova Délhi e cliente do Oxy Pure, em entrevista à Deutsche Welle. A poluição na capital da Índia chegou a níveis tão alarmantes que levou as autoridades locais a declarar emergência de saúde pública em outubro, levando escolas a fechar e milhares de pessoas aos pronto-socorros dos hospitais.

“Essas sessões ajudam muito. Desintoxicam o corpo e combatem os efeitos da poluição intensa. Também te energizam e te fazem relaxar”, afirma o proprietário do bar, Ajan Johnson. Por outro lado, o médico Rajesh Chawla, do Hospital Apollo, na cidade, afirma que mesmo que os clientes permaneçam duas horas por dia no local, as outras 22 horas em Délhi eliminam quaisquer benefícios. Nas redes sociais, o empreendimento dividiu opiniões, com alguns usuários apontando a contradição entre a indústria, grande poluidora, ser a mesma que vende o ar puro.

Clique na imagem para abrir a galeria