Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

PM é investigado por não pagar conta e atirar dentro de boate no Centro de Fortaleza

Sindicância para apurar o caso foi aberta e publicada no Diário Oficial do Estado
12:58 | Jun. 08, 2022
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Um soldado da Polícia Militar do Ceará (PMCE) teve uma sindicância aberta por meio da Controladoria Geral de Disciplina (CGD), a qual apura uma suposta desordem que ele teria causado na Boate 80, localizada na avenida Tristão Gonçalves, no Centro de Fortaleza. O caso foi registrado em 2019, mas foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta quarta-feira, 8.

Conforme a publicação do DOE, além de se recusar a pagar a conta, o agente de segurança ainda teria efetuado um tiro no local. A arma do PM foi apreendida.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

No Diário Oficial ainda consta que há dois meses o PM efetuou um disparo de arma de fogo no sítio do avô, no município de Catunda. Na situação, após investigação preliminar, foi aberta a sindicância para apurar a conduta do militar.

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar