PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Explosão não afetará abastecimento de oxigênio nos hospitais, garante Sarto

Hospitais são abastecidos pela unidade da White Martins localizada no Pecém. Usinas e cilindros das Upas foram abastecidos nessa semana.

Marcela Tosi
14:12 | 24/04/2021

Atualizada às 17 horas

A explosão ocorrida na manhã deste sábado, 23, na unidade da White Martins no bairro Jacarecanga, não afetará o abastecimento de oxigênio medicinal nos hospitais de Fortaleza. É o que garante o prefeito José Sarto, após conversa com representante da empresa. Em publicação nas redes sociais, o prefeito explicou que os hospitais da Capital são abastecidos pela usina da empresa localizada no Pecém.

"As nossas Upas que têm usinas de oxigênio ou que têm cilindros foram abastecidas já nessa semana. Portanto, não temos nenhum risco de desabastecimento, por qualquer que seja o cenário", afirma.

Veja a publicação do prefeito José Sarto: 

Em nota, a White Martins afirma que "as instalações afetadas não produzem oxigênio e são destinadas apenas ao enchimento de cilindros". Conforme o comunicado, a produção de oxigênio líquido no Estado não foi comprometida e "a empresa está buscando alternativas para o enchimento dos cilindros".

Explosão na Jacarecanga

 

A explosão aconteceu por volta das 10h30min na fábrica localizada no cruzamento da avenida Francisco Sá com a rua Padre Anchieta, no bairro Jacarecanga. De acordo com o Corpo de Bombeiros, houve registro de cinco vítimas, sendo uma com maior gravidade.

Das vítimas, três foram encaminhadas para o Instituto Dr. José Frota (IJF). Os pacientes, com 19, 43 e 45 anos, seguem estáveis, em avaliação clínica, acompanhados pelas equipes multiprofissionais do hospital e realizando exames de imagem.