PUBLICIDADE
Fortaleza
Noticia

Instituto Povo do Mar é assaltado e entrega de cestas básicas é comprometida

O crime aconteceu neste fim de semana, entre sábado, 20, e domingo, 21. Foram levados computadores, tablets, pranchas de surfe e celulares. A entrega das cestas básicas ocorrerá em novo momento

13:55 | 22/03/2021

A sede do Instituto Povo do Mar (Ipom), na Praia do Futuro, foi furtada neste fim de semana. Nesta segunda-feira, 22, ao chegarem para o trabalho, os profissionais da instituição viram que a sede do projeto estava com a porta arrombada. Do local, foram levados computadores, tablets, celulares, pranchas de surfe, entre outros. O total do prejuízo com o roubo, de acordo com a diretora da instituição, Fabrine Andrade, está entre R$ 20 mil e R$ 30 mil.

Em nota, o Instituto Povo do Mar lamenta o assalto do qual foi vítima nesse fim de semana e conta que, por causa do furto, não vai conseguir fazer a entrega de cestas básicas que estava previstas para essa segunda. A entidade, "apesar do grande susto", se compromete com todas as famílias atendidas a anunciar, em breve, a nova data de entrega.

O Ipom realiza um trabalho junto às comunidades da Praia do Futuro.

"Apesar da tristeza, reforçamos nosso compromisso com a comunidade em que estamos inseridos e ressaltamos que ninguém solta a mão de ninguém", avisa o comunicado e finaliza afirmando que o Ipom segue "acreditando que o amor transforma vidas" e que vai continuar trabalhando em prol das crianças e adolescentes da comunidade.

Também por meio de nota, a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informa que apura as circunstâncias de do furto. Segundo informações preliminares, equipamentos eletrônicos e outros objetos foram subtraídos do local. A PCCE ressalta a importância de a vítima registrar o Boletim de Ocorrência (B.O), que pode ser feito por meio da Delegacia Eletrônica (Deletron), pelo site www.delegaciaeletronica.ce.gov.br/beo/, em qualquer horário do dia ou da noite. A Delegacia Eletrônica atende todo o Estado do Ceará. O 15º Distrito Policial está à frente das investigações.