PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Após ser autuado duas vezes em três dias, supermercado de Fortaleza é fechado por "tempo indeterminado"

A loja havia sido interditado por uma semana na última quinta-feira, 11, após registro de aglomerações, porém foi flagrado em operação nesse sábado, 13, o que resultou no fechamento total, sem data de reabertura

Alan Magno
20:43 | 14/03/2021
Unidade da rede supermercadista Assaí em Fortaleza desrespeita interdição após registro de aglomeração e é fechado por
Unidade da rede supermercadista Assaí em Fortaleza desrespeita interdição após registro de aglomeração e é fechado por "tempo indeterminado" (Foto: Reprodução/Google Maps street view)

Atualizado às 09h53min de 15 de março para inclusão do posicionamento da rede Assaí

Em Fortaleza, uma loja de uma rede supermercadista foi fechada por “tempo indeterminado” após ser autuada duas vezes em três dias pela Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis). O estabelecimento havia sido interditado por uma semana na última quinta-feira, 11, após registro de aglomerações, porém foi flagrado em operação nesse sábado, 13, o que resultou no fechamento total, sem data de reabertura.

LEIA TAMBÉM | Em 70 dias, Fortaleza tem 110 eventos encerrados e 133 estabelecimentos interditados

A loja pertence a rede atacadista Assaí e fica localizada na Avenida Bezerra de Menezes, no Bairro São Gerardo. No dia 11 de março, o local foi interditado por descumprimento das medidas sanitárias contra Covid-19: foram constatadas aglomerações no setor de hortifruti e também na fila de clientes interessados em adentrar na loja.

Diante do registro das infrações, a unidade foi autuada e interditada por um período de sete dias como forma de reestruturar os protocolos de higienização e as medidas preventivas contra a Covid-19. Assim, de acordo com a Agefis, a loja estaria proibida de funcionar até o dia 18 de março.

A medida, porém, não foi respeitada e no sábado, dia 13 de março, agentes de fiscalização constataram que a loja estava operando normalmente, “desrespeitando o tempo legal da interdição”, conforme detalhou a Agefis.

Com a nova infração registrada três dias após a primeira fiscalização, o órgão optou por autuar pela segunda vez a rede supermercadista e realizar uma segunda interdição, desta vez, sem data para reabertura.

O Assaí poderá recorrer da decisão, requerendo a reabertura da unidade na Junta de Análise e Julgamento de Processos da Agefis (JAP). Caberá ao órgão reavaliar o caso e acordar com a empresa os termos necessários a serem cumpridos para que a loja possa voltar a operar legalmente.

LEIA MAIS | Oito estabelecimentos são interditados nesta sexta e sábado por violação do lockdowm em Fortaleza

Em nota, o Assaí pontuou que a referida loja "segue os protocolos sanitários relacionados à prevenção da Covid-19, além de cumprir com as orientações das autoridades locais e dos órgãos de saúde". No posicionamento, a rede supermercadista faz um pedido aos clientes para que sejam respeitadas as medidas de segurança sanitária contra o coronavírus. A empresa solicita a "colaboração e a compreensão de todos quanto a essas medidas para que a unidade opere de forma segura a clientes e funcionários"

Para além deste caso, a Agefis destaca que seguirá recebendo denúncias por meio do aplicativo Fiscalize Fortaleza (disponível para sistemas operacionais Android e IOS), do site "denuncia.agefis.fortaleza.ce.gov.br" e também por meio telefone 156.