PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Motorista de aplicativo é preso suspeito de levar vítimas ao local do crime no Vila do Mar

A Polícia Civil apura a relação do achado de cadáver com a ocorrência da madrugada, que teria participação do suspeito

Sara Oliveira
11:37 | 16/02/2021
Até o momento, quatro corpos foram encontrados na região da Vila do Mar, em Fortaleza (Foto: Fábio Lima/O  Povo)
Até o momento, quatro corpos foram encontrados na região da Vila do Mar, em Fortaleza (Foto: Fábio Lima/O Povo)

Um homem identificado como Antônio Mariano Neto, motorista de aplicativo, foi preso na manhã desta terça-feira, 16, suspeito de levar as vítimas que tiveram os corpos achados no Vila do Mar para o local do crime. Pelo menos três corpos foram achados após ocorrência na madrugada. Inicialmente, ainda após as primeiras horas do caso, chegou ser divulgado que o motorista usaria tornozeleira eletrônica, mas a informação foi corrigida no andamento da investigação pela delegada Patrícia Aragão, titular da 8ª Delegacia de Homicídios.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) e da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) realizam diligências à procura dos suspeitos de participação nas mortes e tentativas de homicídios registradas na madrugada na Barra do Ceará. Um inquérito policial foi instaurado no DHPP com o intuito de apurar as circunstâncias dos casos. 

Segundo informações iniciais, os corpos de dois homens, ainda sem identificação, foram encontrados na região sem vida. Outras duas vítimas, uma mulher de 24 anos e uma adolescente de 16 anos, foram socorridas por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), para uma unidade hospitalar. Posteriormente, um corpo de uma mulher foi encontrado na mesma região com ferimentos na cabeça e sinais de enforcamento. A Polícia Civil apura a relação do achado de cadáver com a ocorrência da madrugada.

A Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) recebeu denúncia anônima de que mais dois corpos estariam enterrados em uma barraca de praia no local. Equipes foram destacadas para a região.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257-4807, do DHPP, que também é o WhatsApp do Departamento, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo e o anonimato são garantidos.