PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Novo quartel dos Bombeiros no terreno do Edifício Andrea terá memorial para as vítimas

Novo equipamento será batizado de "15 de outubro" e irá contar com memorial para as vítimas da tragédia

15:36 | 15/10/2020
Construção é parceria entre a Prefeitura de Fortaleza, que cedeu o terreno, e Governo do Estado do Ceará, que irá realizar a obra.  (Foto: Divulgação Casa Civil/Corpo de Bombeiros)
Construção é parceria entre a Prefeitura de Fortaleza, que cedeu o terreno, e Governo do Estado do Ceará, que irá realizar a obra. (Foto: Divulgação Casa Civil/Corpo de Bombeiros)

O governador do Estado do Ceará, Camilo Santana (PT), anunciou nesta quinta-feira, 15, a construção de um novo quartel do Corpo de Bombeiros Militar (CBMCE), em Fortaleza, no mesmo terreno onde existia o Edifício Andréa, que desmoronou há um ano deixando nove mortos e sete sobreviventes resgatados com vida. Em dezembro de 2019, a Prefeitura já havia anunciado a desapropriação do terreno e construção do quartel.

A nova unidade, no Dionísio Torres, será batizada de “15 de Outubro”, em alusão à data que marca a tragédia, e receberá um memorial para homenagear as vítimas do acidente. O anúncio da nova construção foi feito por meio das redes sociais do Governo. Participaram da solenidade virtual o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), e o secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Estado, Sandro Caron, além do comandante do CBMCE, coronel Holanda.

LEIA MAIS | Tragédia do Edifício Andréa: um ano depois, entre dor e memória

“Estamos anunciando a autorização para a construção do novo quartel exatamente no local da tragédia do prédio. Essa é uma parceria com a Prefeitura de Fortaleza, que também partiu da necessidade de ter mais um equipamento em uma área importante de Fortaleza para atender as demandas do Corpo de Bombeiros. O quartel foi todo projetado de forma sustentável. Tem inclusive uma cobertura verde, energia solar e iluminação natural” informou Camilo Santana, que se solidarizou com às famílias que perderam seus entes queridos. 

LEIA MAIS | Corpo de Bombeiros divulga vídeo em solidariedade aos familiares e vítimas da queda do Edifício Andrea

De acordo com o Governo, o quartel servirá de reforço operacional para as áreas da Aldeota, Dionísio Torres, Meireles, Cocó e Guararapes, bairros que possuem concentração maior de prédios próximos uns aos outros.

O prefeito Roberto Cláudio também salientou a característica da região durante a sua fala. “É uma área de muita densidade vertical, muitos prédios, comércios, moradores. Uma área residencial e comercial que tem riscos especiais de incêndio e eventualmente outros riscos associados à função do Corpo de Bombeiros e que ganha um equipamento de primeiro mundo para que a gente tenha ainda mais segurança”, disse.

A construção

O terreno para a construção no novo equipamento foi desapropriado pela Prefeitura de Fortaleza, que pagou o valor de R$ 1.785.000. Pelo Governo do Estado, foi elaborado um projeto de quartel verticalizado, com o térreo e mais dois pavimentos, onde ficarão as áreas de serviços, administrativas e operacionais e um subsolo para viaturas, além do memorial dedicado às vítimas da tragédia.

Os bombeiros que atuarão na unidade estarão equipados para as ocorrências que exijam equipamentos adequados para as particularidades da região. Segundo o Governo do Ceará, uma das três escadas Magirus adquiridas pela gestão ano passado será utilizada no novo quartel.