PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Operação da PM fiscaliza bares e restaurantes que descumprem Decreto Estadual em Fortaleza e Região Metropolitana

Bares estão proibidos de reabrir, enquanto restaurantes podem funcionar até 23 horas

15:56 | 25/07/2020
Bares não podem funcionar e restaurantes não podem exceder limite de público presente (Foto: Agência Brasil)
Bares não podem funcionar e restaurantes não podem exceder limite de público presente (Foto: Agência Brasil)

A Operação Sossego, iniciada pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), na última quinta-feira, 23, seguirá até domingo, 26, fiscalizando bairros que possuem o maior número de bares e restaurantes em Fortaleza e Região Metropolitana. O objetivo é verificar o cumprimento do Decreto Estadual de combate à Covid-19. Estabelecimentos irregulares serão fechados e os proprietários autuados.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS), os bairros que serão foco da Operação são Praia do Futuro, Praia de Iracema, Beira Mar, Cidade dos Funcionários, Varjota e região da Avenida Bezerra de Menezes, além da Barra do Cauípe e Icaraí, em Caucaia, entre outros.

O governador Camilo Santana anunciou nesta sexta-feira, 24, que Fortaleza continua na Fase 4, com as barracas de praia funcionando até 23 horas, assim como os restaurantes. Já os cinemas e bares seguem sem autorização para abrir. As academias de ginástica foram liberadas, podendo reabrir com 30% da capacidade total. 

A ação é desempenhada pelos policiais do Batalhão de Polícia de Meio Ambiente (BPMA) e o Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio), com apoio do Policiamento Ostensivo Geral (POG).

Além disso, na Capital, a PMCE conta com a parceria da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) e da Prefeitura.

Apreensões

Nos dois primeiros dias de Operação, os agentes apreenderam paredão de som e autuaram estabelecimentos por funcionamento que descumpria o decreto estadual e pela utilização indevida do espaço público. Houve aplicação de multa e recolhimento de mesas e cadeiras.