PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Policial que salvou vítimas de incêndio segue estável; militar deve ser homenageado

O militar segue internado e sem risco de morte. Depois de obter alta, ele deve ser homenageado pelo Corpo de Bombeiros

Jéssika Sisnando
16:22 | 23/07/2020
Aparelhos de TV e ventiladores foram destruídos no incêndio (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)
Aparelhos de TV e ventiladores foram destruídos no incêndio (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)

Welson Gomes da Silva, de 25 anos, segue estável no Instituto Doutor José Frota (IJF), Centro de Fortaleza. O policial militar havia sido hospitalizado com lesões térmicas, que é uma lesão por inalação de fumaça, depois de resgatar cinco pessoas de um ponto comercial em chamas no bairro Antônio Bezerra, na quarta-feira, 22.  O POVO apurou que policial deve receber uma homenagem do Corpo de Bombeiros.

De acordo com a Polícia Militar do Ceará (PMCE), o policial apresenta boa saturação e pressão. A broncoscopia que ele fez não revelou resíduos de substâncias e ele segue em observação na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Ele está entubado e sedado. Conforme a PMCE, o policial não tem risco de morte.

No momento que Welson foi ajudar no resgate das vítimas, ele teve de retirar uma senhora de 87 anos colocando-a nos braços e retirou a vítima pela parte de trás da casa. Ela estava no andar superior. No local onde aconteceu o incêndio funcionava uma oficina de manutenção de ventilador e TV. De acordo com o tenente Pedro, cinco pessoas foram salvas pelo policial militar. "Ele passou em frente e viu que a casa estava pegando fogo. Ele avistou três crianças que estavam na entrada, crianças de 12, 7 e 5 anos de idade. Quando entrou tinha um homem e, este, foi socorrido por meios próprios e, em seguida, entrou novamente e foi para a parte superior da casa, onde havia a idosa". explica. 

Conforme o Corpo de Bombeiros, as vítimas receberam oxigenoterapia e assinaram um termo de recusa de irem ao hospital. Depois do rescaldo, o estabelecimento ficou aos cuidados do filho da proprietária. Os danos foram materiais com perda total em 20 equipamentos de TV e 10 ventiladores, além da estrutura do ponto comercial que ficou queimada, a ação rápida das forças de segurança do Estado evitou que o incêndio se alastrasse para residências vizinhas.

Estavam no local o soldado Denilson, soldado Leônidas e o soldado PM W. Gomes, que foi o responsável pelo resgate da idosa.