PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Preso por causar acidente que deixou sete feridos é solto pela Justiça

Colisão ocorreu na madrugada deste domingo, 22. Motorista foi autuado por embriaguez ao volante e lesão corporal culposa. Entre as argumentações, juiz destacou que pena máxima para o crime não passa dos quatro anos

19:41 | 22/12/2019
Colisão ainda deixou dois outros veículos danificados
Colisão ainda deixou dois outros veículos danificados (Foto: Enviado por leitor via Whatsapp)

O homem preso suspeito por provocar acidente que deixou sete pessoas feridas no bairro Presidente Kennedy foi solto em audiência de custódia realizada neste domingo, 22. Ele havia sido preso em flagrante após o carro que conduzia, conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), atingir várias pessoas que estavam em uma calçada e colidir com outros veículos que estavam estacionados, na rua Dom Maurício.

O caso foi registrado por volta das 3h40min deste domingo. O motorista foi identificado como Simão Fagner Gonçalves de Andrade, de 39 anos. Ele foi autuado por embriaguez ao volante e lesão corporal culposa. Na audiência, o juiz entendeu não haver, neste momento, "a presença de elementos concretos que evidenciem ameaça a ordem pública, a instrução criminal e a futura aplicação da Lei penal a ensejar na conversão da prisão em flagrante em preventiva". O Ministério Público Estadual (MPCE) também representou pela concessão da liberdade provisória com aplicação de medidas cautelares.

"Não se pode olvidar de mencionar que os crimes em comento não tem pena máxima superior a quatro anos, o que reforça a desnecessidade de conversão", diz outro trecho da decisão. Entre as medidas que o motorista precisará cumprir está a suspensão do direito de dirigir veículos.