PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

158 pessoas capturadas por ataques no Ceará; Polícia cumpre mandados de prisão nesta quarta

Operação busca integrantes da facção criminosa responsável por ataques no Ceará

12:33 | 02/10/2019
As Polícias Civil e Militar continuam os trabalhos para identificar e capturar todos os envolvidos nas ações criminosas. Na última sexta-feira, 27, foi realizada operação de combate aos crimes
As Polícias Civil e Militar continuam os trabalhos para identificar e capturar todos os envolvidos nas ações criminosas. Na última sexta-feira, 27, foi realizada operação de combate aos crimes(Foto: AURELIO ALVES)

Até as 7 horas desta quarta-feira, 2, 158 pessoas foram capturadas por participação nos atos criminosos praticados no Ceará desde o último dia 21 de setembro - incluindo ataques a veículos e prédios públicos e privados. O balanço foi divulgado pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE).

Desses 158, 120 são maiores de idade e 38 são adolescentes. Enquanto a segunda fase da Operação Contra-Ataque é deflagrada, nesta quarta, novas prisões devem ser cumpridas. Portanto, o número pode aumentar no decorrer do dia. A operação busca integrantes da facção criminosa responsável por ataques no Ceará.

Não há registro, conforme contagem da pasta, de ataques no Estado desde as 17h57min da última segunda-feira, 30. O número de ocorrências permanece em 115. As Polícias Civil e Militar continuam os trabalhos para identificar e capturar todos os envolvidos nas ações criminosas.

A população pode contribuir com o trabalho policial repassando informações que ajudem nas prisões e apreensões de criminosos. É possível denunciar pelo 181, número do Disque-Denúncia da SSPDS, ou em contato pelo número (85) 98969 0182, que é o WhatsApp da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco).

A Polícia garante o sigilo das fontes.

Com informações da SSPDS