PUBLICIDADE
PUBLIEDITORIAL saudeesegurancanotrabalho

Webinar gratuito discutirá possibilidades e tendências da segurança do trabalho em tempos de Covid-19

Programação contará com a presença do desembargador Sebastião Geraldo de Oliveira, gestor nacional do Programa Trabalho Seguro do TST

04/12/2020 07:00:07
A palestra
A palestra "Protocolos de segurança: obrigações e deveres de empresas e trabalhadores na retomada segura das atividades presenciais" será realizada online dia 7, 15h10

Com a retomada de quase todos os setores da economia no Brasil antes da chegada da vacina contra a Covid-19, a atenção à saúde e à segurança dos trabalhadores teve que ser redobrada para evitar o adoecimento de colaboradores - sem esquecer, é claro, dos demais riscos que cada função trabalhista já oferecia antes da pandemia. Para discutir tendências e possibilidades da área e auxiliar empregadores e funcionários na implementação das normas vigentes, o Grupo de Comunicação O POVO realiza, no próximo dia 7, o webinar gratuito “Saúde e segurança do trabalho: a retomada pós-pandemia”, com a presença de autoridades no assunto. Ao todo, serão realizadas cinco palestras, com início às 14 horas.

Segundo Francisco José Gomes, desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região e mediador da palestra “Protocolos de segurança: obrigações e deveres de empresas e trabalhadores na retomada segura das atividades presenciais”, a discussão é necessária porque, ainda que haja informação sobre a temática, muitos empresários têm desrespeitado as normas de prevenção estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Para o desembargador, comércio e indústria são os setores que devem ficar ainda mais atentos neste momento.

“Aqui no Estado, a Fiec tem feito um bom trabalho de orientação com seus filiados, mas ainda assim há empresários que não respeitam o distanciamento ou não disponibilizam álcool gel e máscaras. É preciso entender que eles são equipamentos de trabalho e, portanto, o custo deve ser do empregador. Outro problema é o transporte coletivo: as empresas, muitas vezes, colocam todos os trabalhadores juntos em um só veículo, e é necessário manter o distanciamento também nesse momento”, ressalta.

Cultura de prevenção deve vir da gestão

É certo que o compromisso dos trabalhadores com as normas de prevenção deve ser exigido e fiscalizado para evitar riscos a todos. Porém, de acordo com Sebastião Geraldo de Oliveira, desembargador do TRT-3 e gestor nacional do Programa Trabalho Seguro, o principal passo para construir um ambiente de trabalho saudável é a instituição de uma cultura de prevenção pela alta direção das empresas.

“Se a direção não estiver preocupada, a postura isolada de um ou outro trabalhador não vai resolver o problema. É preciso vir de cima pra baixo. Nesse momento de 'economia de guerra', o empregador pode negociar jornada de trabalho, salário, até suspender o contrato do trabalhador, tudo isso é admissível em um momento de exceção - mas a constituição não está em lockdown e as normas de segurança não estão em quarentena”, pontua.

O especialista, que irá ministrar a palestra sobre protocolos de segurança no evento, ressalta que a segurança e a medicina do trabalho também devem ter como foco a saúde mental dos trabalhadores, já que a mudança de rotina e a crise causada pela Covid-19 podem servir como “desculpa” para chefias assediarem e perseguirem os funcionários.

“Além da pandemia, enfrentamos uma infodemia, ou seja, um excesso de notícias - verdadeiras e falsas. A empresa precisa cuidar disso também, com o cuidado de não criar um ambiente hostil. A postura empresarial deve semear esperança, e lembrar que isso também vai passar. As empresas vão prosseguir, as pessoas vão continuar consumindo, se alimentando, se vestindo e vamos precisar de empregadores, trabalhadores e recolhimento de tributo. Por isso, não podemos desanimar”, conclui.

Serviço

Palestra “Protocolos de segurança: obrigações e deveres de empresas e trabalhadores na retomada segura das atividades presenciais”

Quando: 7 de dezembro de 2020, a partir das 15h10min

Inscrições: Online até o dia do evento. Clique aqui

Acesso gratuito