Participamos do

Ceará assina 13º acordo para projeto de hidrogênio verde

Nas redes sociais, governador Camilo Santana ainda contou da assinatura de memorando para dois complexos solares no Estado
18:29 | Dez. 08, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O governador Camilo Santana assinou o 13º acordo para instalação de um projeto de hidrogênio verde no Ceará com a empresa Total Eren. A informação foi dada pelo próprio Camilo nas redes sociais.

Sem detalhar o porte do projeto ou o investimento estimado para este novo projeto, o governador assinou o documento com o representante da empresa, que tem controlador o Eren Groupe, da França.

A empresa chegou ao Brasil em 2013, quando iniciou a participação no mercado local a partir da produção solar descentralizada, no armazenamento de energia e nos parques solares e eólicos de grande escala. Desde 2017, a companhia iniciou a construção de uma central solar de 25 MWp em Bom Jesus da Lapa, na Bahia.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Hoje, possui 3 centrais solares em funcionamento, na Bahia e Rio Grande do Norte, e 2 centrais eólicas em construção.

Mais 2 usinas solares

Camilo ainda informou da assinatura de mais um memorando de entendimento para a construção de duas novas usinas solares para o Ceará na mesma publicação nas redes sociais.

"Mais empregos para os cearenses! Assinei há pouco memorando de entendimento com a multinacional Ingenostrum LTDA para a construção de dois complexos de Energia Solar no Ceará, em Ibicuitinga e Quixadá", contou.

O empreendimento deve contar com R$ 7,6 bilhões de investimento e a geração de quase 6 mil empregos na fase de construção e 335 durante a operação, de acordo com ele.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags