Participamos do

Ações da Brisanet sofrem queda após arremates no leilão 5G

A empresa venceu dois lotes: um para a região Nordeste e outro para o Centro-Oeste
14:03 | Nov. 04, 2021
Autor Beatriz Cavalcante
Foto do autor
Beatriz Cavalcante Articulista quinzenal do O POVO
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

As ações da Brisanet (BRIT3) na B3 até chegaram a subir 3,8% imediatamente após o arremate do lote C4 do leilão de frequências de banda larga 5G para prestação de serviços em todo Nordeste, confirmado às 13h26min desta quinta-feira, 4 de novembro. Mas já apresentavam queda acima de 8% às 14 horas, momento em que venceu também lote do Centro-Oeste.  

A empresa nascida em 1998, na cidade de Pereiro, região do Grande Jaguaribe, deu lance equivalente a R$ 1,2 bilhão e ganhou o direito de expandir a rede de banda larga e também começar a oferecer serviços de telefonia móvel em todos os nove estados do Nordeste.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Já para o Centro-Oeste, a empresa venceu o lote C05 para prover tecnologia 5G, na faixa 3,5 GHz. No leilão ofertado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a Brisanet saiu vencedora ao oferecer R$ 150 milhões pelo bloco, com ágio de 4.054%, e terá o compromisso de ofertar o serviço em municípios com menos de 30 mil habitantes na região.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags