Participamos do

Black Friday: veja preparação de lojas para início das promoções

Seções específicas anunciando a Black Friday de 2021 já são possíveis de serem visualizadas em lojas como a Magazine Luiza. O período está previsto para acontecer em 26 de novembro
22:18 | Out. 06, 2021
Autor Mateus Brisa
Foto do autor
Mateus Brisa Estagiário
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Black Friday de 2021 está prevista para acontecer em 26 de novembro (26/11) e algumas lojas já têm preparado o início do período de promoções para uma semana ou até todo o mês de novembro. Seções específicas anunciando a Black Friday já são possíveis de serem visualizadas em lojas de departamento brasileiras.

Um exemplo é a Magazine Luiza, que já confirmou estar preparando uma série de shows musicais para a época do evento, assim como fez em 2019 e 2020. Artistas como Glória Groove, Pabllo Vittar e Karol Conká já se apresentaram durante os shows da empresa direcionados à divulgação da Black Friday. Algumas lojas iniciaram contagens-regressivas para a sexta-feira de promoções, como Shoptime e Casas Bahia. Outras, como Lojas Americanas e Submarino, orientam seus potenciais clientes a acompanharem as novidades da Black Friday por e-mail ou aplicativo.

>> Black Friday: jogos com desconto; veja 10 títulos para ficar de olho

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

>> Black Friday: 10% das queixas são de atendimento

Black Friday: período de faturamento

A Black Friday ganhou força no comércio brasileiro nos últimos anos. Em 2020, mesmo em meio à pandemia de Covid-19, o período gerou faturamento de R$ 7,7 bilhões no setor. O número foi um crescimento de 21,9% em relação ao ano anterior. Os pedidos online feitos na Black Friday de 2020 representaram 4% de todos os feitos durante o ano, segundo pesquisa da Neotrust, empresa dedicada a transparência no varejo.

E o cenário para 2021 pode ser de ainda mais crescimento. Até junho deste ano, o setor de e-commerce, isto é, vendas na Internet, cresceu 31% em relação ao mesmo período de 2020, conforme relatório divulgado pela Ebit em parceria com a Nielsen. Espera-se um faturamento de cerca de R$ 10 bilhões para a Black Friday 2021.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags