PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Maior operadora global de reboque anuncia entrada no Pecém e em Suape

Para começar nos dois equipamentos no Nordeste, a Svitzer detalha que está implantando dois rebocadores ASD em cada porto, todos os quatros construídos recentemente no Brasil

Beatriz Cavalcante
09:42 | 02/07/2021
Operação da Svitzer em Santos  (Foto: Arquivo/Divulgação)
Operação da Svitzer em Santos (Foto: Arquivo/Divulgação)

A Svitzer, líder global em reboque e braço portuário da Maersk, anunciou que começa a operar nos portos do Pecém (Ceará) e de Suape (Pernambuco). Os planos fazem parte da estratégia de crescimento da Svitzer Brasil e Svitzer Américas.

+Ceará firma contrato com multinacional e inicia implantação do hub de comércio exterior no Pecém 

A empresa opera no Brasil desde 2015, solidificando-se no Sul e Sudeste e atendendo a cinco portos. Para começar nos dois equipamentos no Nordeste, a Svitzer detalha que está implantando dois rebocadores ASD em cada porto, todos os quatros construídos recentemente no Brasil e  com potências acima de 60 toneladas.

Sobre o início das operações, Daniel Reedtz Cohen, diretor-executivo da Svitzer Brasil, frisa que este é um marco importante para a estratégia de expansão da empresa no Brasil. "Ao melhorar e expandir nossa cobertura portuária, podemos atender ainda melhor às necessidades de nossos clientes e apoiar suas ambições de crescimento”, complementa, em nota.

A Svitzer promete trazer aos portos altos padrões de segurança, bem como presença global, experiência e resiliência financeira.

+Hub de comércio exterior deve impulsionar micro e pequenas empresas cearenses 

Já o diretor-executivo da Svitzer Américas, Arjen van Dijk, detalha que a ideia é que a companhia vê potencial significativo de crescimento no Nordeste, tanto em relação ao reboque portuário quanto ao terminal. "O Brasil continua sendo um mercado-chave para nós e estamos determinados a transformar continuamente nossa presença, conhecimento e habilidades em valor para nossos clientes em todo o País”.

Com sede no Panamá, a Svitzer Americas emprega 835 pessoas e opera mais de 80 embarcações, prestando serviços marítimos a clientes globais e regionais em 12 países.