PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Petrobras abre 335 vagas para jovem aprendiz com remuneração de R$ 1.100

As inscrições estão disponíveis para candidatos de Fortaleza, Brasília, São Luís, Betim, Ibirité, Três Lagoas, Angra dos Reis, Duque de Caxias, Itaboraí, Macaé, Rio de Janeiro, e Seropédica, Porto Alegre e São José dos Campos

Beatriz Cavalcante
10:49 | 26/05/2021
Petrobras abre seleção para jovem aprendiz (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)
Petrobras abre seleção para jovem aprendiz (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A Petrobras realizará processo de seleção para 335 jovens aprendizes em 14 cidades do Brasil e oito unidades da federação, com remuneração de um salário mínimo (R$ 1.100). Os admitidos terão ainda benefícios de vale-transporte, 13º salário, férias, Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e possibilidade de adesão à assistência previdenciária da estatal, a Petros.

LEIA MAIS | Pepsico tem vagas de estágio em 7 áreas; 50% dos cargos para negros e mulheres

O requisito é que o candidato esteja matriculado e com frequência na escola, caso não haja concluído o Ensino Médio. No ato da admissão, deve-se ter entre 14 anos e 22 anos e 11 meses completos. A idade máxima prevista não se aplica aos candidatos com deficiência.

Nas localidades onde não houver oferta de Ensino Médio, a admissão aprendiz poderá ocorrer sem a frequência à escola, desde que o candidato já tenha concluído o Ensino Fundamental.

Aqueles com idade inferior a 18 anos deverão contar com a assistência do responsável legal para celebração do contrato de aprendizagem na admissão junto à Petrobras.

O processo de seleção consiste nas etapas de inscrição; análise documental (classificatória); avaliação médica; e admissão.

O contrato de aprendizagem tem duração de 12 meses, com jornada de 4 horas diárias, de segunda a sexta-feira, contabilizando 20 horas semanais.

Além das vagas previstas, das que vierem a ser criadas durante o prazo de validade do processo de recrutamento 10% serão providas por pessoas com deficiência (PCD). Além disso, 20% das vagas serão para adolescentes egressos de trabalho infantil, observado o cadastro esperado para cada curso/localidade.

A inscrição é gratuita, somente via internet (site jobs kenoby), até as 23h59min do dia 28 de maio, nesta sexta-feira. Já o prazo para inclusão de documentos dentro do formulário acessado pelo link do site job kenoby será até as 23h59min, do dia 1º de junho, próxima terça-feira.

No ato da inscrição, deve-se optar pelo curso e pela localidade para a qual deseja concorrer. A confirmação da participação será por e-mail.

Após a contratação, os aprendizes serão inscritos em curso de formação técnico compatível. A formação será realizada por meio de atividades teóricas e práticas a serem desenvolvidas nas instalações do SENAI.

Dúvidas sobre o processo de admissão deverão ser encaminhadas ao Serviço de Atendimento ao
Cliente (SAC) da Petrobras, por meio do telefone 0800 728 9001, opção 9.

Cidades contempladas

  • Ceará - Fortaleza.
  • Distrito Federal - Brasília.
  • Maranhão - São Luís.
  • Minas Gerais - Betim e Ibirité.
  • Mato Grosso do Sul - Três Lagoas.
  • Rio de Janeiro - Angra dos Reis; Duque de Caxias; Itaboraí; Macaé; Rio de Janeiro; e Seropédica.
  • Rio Grande do Sul - Porto Alegre.
  • São Paulo - São José dos Campos.

Dados fornecidos na inscrição

  • Nome civil completo.
  • Data de nascimento.
  • Nome social completo, caso opte pelo uso.
  • Cadastro de Pessoa Física (CPF).
  • Carteira de identidade ou Certidão de nascimento.
  • Gênero.
  • E-mail próprio.
  • Número de telefone pessoal ou do responsável legal.
  • Endereço atual do candidato ou do responsável legal.
  • Declarar se pertence aos grupos de reservas de vagas previstas no item 3 deste edital.
  • Nome completo e CPF do responsável legal, quando for menor de 18 anos.
  • Anexar boletim escolar de 2019 ou 2020 ou Histórico escolar, se concluído o Ensino Médio – este anexo não é obrigatório, e sim, classificatório.
  • Declarar se possui filhos.
  • Declarar situação quanto a ser beneficiário de programas sociais do governo federal, estadual ou
    municipal.
  • Declarar situação estudantil.
  • Declarar a participação em Curso de Aprendizagem.
  • Declarar a nacionalidade.

Processo de Seleção

  • Os candidatos serão classificados de acordo com a média aritmética das disciplinas de Língua
  • Portuguesa e Matemática, da maior para a menor, com base no boletim escolar de 2019 ou 2020.
  • Para quem já concluiu o Ensino Médio, também será aceito o histórico escolar para compor essa média. Caso o candidato não tenha anexado boletim escolar/histórico escolar, a média considerada será zero.
  • O ranking dos candidatos classificados irá considerar as informações apresentadas no ato da inscrição.

Critérios de desempate

  • Ser beneficiário de programas sociais públicos do Governo Federal, estadual ou municipal.
  • Estar matriculado no Ensino Fundamental ou Médio na rede pública ou ter certificado de conclusão do
  • Ensino Médio na rede pública.
  • Candidato mais novo.
  • Ter filhos.