PUBLICIDADE
Economia
Noticia

Rede D’Or, dona do Hospital São Carlos, dá entrada em IPO

No pedido feito à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o grupo também pede conversão do registro da categoria B para A. Expectativa é levantar R$ 10 bilhões na oferta primária

Irna Cavalcante
13:56 | 11/10/2020

A Rede D’Or, que no Ceará tem o Hospital São Carlos, decidiu buscar capital no mercado de ações. Em comunicado relevante, publicado na última sexta-feira,9, o grupo informou que deu entrada na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) no registro de oferta pública de distribuição primária e secundária de ações. A expectativa é levantar até R$ 10 bilhões na oferta primária.

No documento, enviado ao mercado, a empresa também disse que pediu à CVM conversão de registro, da categoria B para a categoria A. O objetivo é ingressar no Novo Mercado da B3, que reúne as empresas com maior padrão de governança.

A Rede D’or é o maior grupo hospitalar do País. No Nordeste, além do hospital cearense São Carlos, também está presente em Pernambuco, na Bahia, no Maranhão e em Sergipe. São 52 hospitais, mais de 45 clínicas oncológicas, 8,3 mil leitos, 51,3 mil colaboradores e 87 mil médicos credenciados.

Com a entrada no mercado de capitais, o grupo se soma a empresas da saúde como as operadoras Hapvida, NotreDame Intermédica e SulAmérica e a operadora dental OdontoPrev. Também fazem parte da bolsa brasileira os laboratórios Alliar, Dasa, Fleury e Hermes Pardini e a administradora Qualicorp.