PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Porto de Fortaleza vai exportar minério de ferro a partir de 2020

O contrato assinado com a MDN Mineração, que possui mina em Sobral, prevê, inicialmente, o embarque de dois navios, com capacidade de 45 mil toneladas cada um, para China.

Irna Cavalcante
19:40 | 02/12/2019
Contrato foi assinado por representantes do Porto do Mucuripe e da empresa MDN Mineração
Contrato foi assinado por representantes do Porto do Mucuripe e da empresa MDN Mineração (Foto: Divulgação/Porto de Fortaleza)

A partir de janeiro, o Porto de Fortaleza vai começar a exportar minério de ferro para China. A informação é da diretora-presidente do Porto, Mayhara Chaves, que ressalta que, inicialmente, serão dois navios com capacidade de 45 mil toneladas cada um, podendo atingir 300 mil toneladas por ano em 2020 e 2021, respectivamente.

O contrato assinado com a MDN Mineração, que tem mina em Sobral, está estimado em R$ 500 mil. E prevê o armazenamento e embarque de carga (minério de ferro). O transporte de Sobral até Porto de Fortaleza será feito via modo ferroviário.

De acordo com Mayhara Chaves, o contrato deve impulsionar a movimentação de granéis sólidos, que já registrou crescimento de 8,2% entre janeiro e outubro deste ano, comparado ao mesmo período de 2018.

“A confiança da MDN Mineração na nossa gestão mostra que estamos no caminho certo de fazer o porto crescer cada vez mais e, consequentemente, contribuir com crescimento das exportações e com o desenvolvimento socioeconômico e social de Fortaleza e do Ceará”, afirma Mayhara.

Sem o minério de ferro, já foram movimentadas 1.484.758 toneladas de janeiro a outubro deste ano ante 1.372.144 toneladas em 2018.