Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

A cidade em que igreja, delegacia, correios e todos os habitantes ficam em um único prédio

O prédio também abriga a delegacia, a escola, o correio e as lojas da cidade

Se você acha que sua cidade é pequena, a localidade de Whittier , no Alasca, certamente vai te impressionar. Isso porque toda a população, de pouco mais de 270 pessoas, mora no mesmo "teto". 

O prédio em que todos os moradores da cidade vivem, conhecido como Begich Towers, possui 14 andares e foi projetado inicialmente para ser uma instalação militar durante a década de 1950. Ele foi transformado em residência no ano de 1969. 

A área total da cidade é pequena: 51 km². Destes, 32,4 km² de terra e 18,6 km² de água.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Mas engana-se quem acha que a cidade não dispõe de tudo. Também dentro do edifício, eles têm mercearia, clínica, delegacia, igreja, escola, loja de conveniência, serviço de correio. Os batismos são realizados pela igreja local no porão do prédio.

Algumas outras construções que existem na cidade são utilizadas para outros fins. O ginásio militar funciona como local para guardar barcos. Dois antigos hotéis agora funcionam como lavanderia, bar e restaurante.

A cidade possui um city council - correspondente às câmaras de vereadores no Brasil - composto por sete membros e também tem prefeito. 

Isolada por montanhas e mar, Whittier somente é acessível através de um túnel de pista única e cujo sentido (entrada ou saída) alterna a cada meia hora.

O complexo foi construído no período da Guerra Fria. O Alasca é o território dos EUA mais próximo da União Soviética, e base tinha como objetivo posicionar a base militar mais distante da URSS.

O lugar possuía dois grandes edifícios: o Buckner e as Torres Begich. A estrutura custou cerca de US$ 55 milhões, e as torres Buckner foram abandonadas sete anos depois, ainda incompletas. 

As únicas formas para acessar o local são de barco e através de um túnel de pouco menos de 4 km, que nunca está engarrafado, pois possui apenas um sentido devido a sua largura de 4,8 metros.

Para que as pessoas consigam entrar e sair, as direções são alternadas a cada 30 minutos e o trânsito só funciona de 5h30 às 23h.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar