PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Vizinhos encontram mulher morta com marcas de espancamento em rede; polícia investiga como feminicídio  

O companheiro de Iracema, de 61 anos, é procurado pela Polícia Civil

20:27 | 14/12/2019
Iracema foi encontrada morta e casa na própria rede. Ela tinha marcas de espancamento
Iracema foi encontrada morta e casa na própria rede. Ela tinha marcas de espancamento (Foto: Arquivo pessoal )

Vizinhos encontraram Iracema Júlia de Abreu, de 58 anos, morta com marcas de espancamento dentro da rede na própria casa, no município de Pacujá, Interior do Ceará, distante cerca de 300 quilômetros da Capital. O caso aconteceu neste sábado, 14.

Segundo a Polícia Civil, a Delegacia de Pacujá investiga o caso como feminicídio. O principal suspeito é o companheiro dela. Os vizinhos haviam escutado barulhos durante a noite e, pela manhã, perceberam que Iracema não saiu para limpar a frente da casa como fazia costumeiramente. Em seguida, um vizinho foi até a casa e encontrou a vítima morta.

O companheiro de Iracema, de 61 anos, é procurado pela Polícia Civil. "As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (88) 3641-1337 da Delegacia Municipal de Pacujá", informou a SSPDS.