PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Presa suspeita de ameaçar amante e arremessar carro contra duas mulheres em Guaraciaba do Norte

O caso foi registrado por vídeos gravados por uma das vítimas

Jéssika Sisnando
20:18 | 10/09/2020
Um mandado de prisão preventiva da comarca de Guaraciaba do Norte foi expedido e cumprido contra Lidaina (Foto: via WhatsApp O POVO )
Um mandado de prisão preventiva da comarca de Guaraciaba do Norte foi expedido e cumprido contra Lidaina (Foto: via WhatsApp O POVO )

Lidaina Farias de Aguiar, de 33 anos, foi presa suspeita de ir de carro até a casa da amante do marido, derrubar o portão e atropelar duas mulheres na cidade de Guaraciaba do Norte, interior do Ceará. A prisão ocorreu nesta quinta-feira, 10, e o crime na terça, 8. Foi cumprido contra ela um mandado de prisão preventiva por tentativa de homicídio. 

O caso foi registrado por vídeos gravados por uma das vítimas. Um mandado de prisão preventiva da comarca de Guaraciaba do Norte foi expedido e cumprido contra Lidaina. A mulher já respondeu a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) neste ano por infringir determinação do poder público destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa.

O crime em Guaraciaba

A Polícia Civil, com base nas oitivas que foram realizadas, na sede da Delegacia de Guaraciaba do Norte, teve conhecimento de que uma mulher, moradora da cidade, teve envolvimento afetivo com um homem que é de Tianguá. A esposa do homem passou a ameaçá-la após descobrir o romance e a persegui-la, segundo informações da Polícia. No último dia 8, a suposta amante foi informada de que a mulher estava em frente a sua casa.

Na ocasião, a esposa entrou no veículo e deu marcha a ré colidindo contra mulheres que estavam na rua e com o portão do imóvel. Além disso, uma das mulheres que estava no local sofreu lesões e precisou ser socorrida para uma unidade da região. Ela foi transferida para uma unidade de saúde de Sobral.

Já a mulher que sofre as perseguições devido ao relacionamento foi submetida a um exame de corpo de delito na sede da Perícia Forense do Estado do Ceará. 

Com informações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social